Flamengo poderá ter desfalque importante para final da Supercopa do Brasil

Jorge Jesus-Flamengo

O Flamengo precisará correr para tentar regularizar as condições de jogo de Gustavo Henrique. O zagueiro recém contratado foi expulso diante do Avaí quando jogava pelo Santos. O problema é que a próxima partida oficial do Flamengo em competições organizadas pela CBF é a final da Supercopa. Teoricamente Gustavo Henrique precisaria “pagar” essa suspensão nessa partida. Porém o Flamengo já tem o desfalque de Léo Pereira, outro zagueiro recém contratado.

Dessa forma o Flamengo ficaria apenas com Rodrigo Caio, que está voltando agora aos gramados e talvez não tenha condições para 90 minutos e Thuler. Por isso o clube entrou no STJD com um pedido para que a punição seja convertida em medida social.

A CBF confirmou que realmente a punição deverá ser cumprida na final da Supercopa. A intenção do Flamengo é de conseguir sua liberação para fazer dupla com o Rodrigo Caio e ainda ter uma opção como Thuler no banco. Caso não consiga, o Flamengo teria que integrar um atleta da base na posição.

Expulsão de longa data

Por incrível que pareça, a expulsão de Gustavo Henrique não aconteceu nas últimas rodadas do Brasileirão. Ela ocorreu ainda na trigésima primeira rodada, quando o Santos venceu o Avaí por 2 a 1. O jogador cumpriu a punição automática na rodada seguinte diante do Goiás. Porém poucos dias depois foi julgado e punido com duas partidas de suspensão.

O Santos recorreu e conseguiu seu efeito suspensivo para as partidas contra a Chapecoense, Athlético-PR e Flamengo. O caso foi até o pleno do STJD apenas no dia 18 de dezembro, e a punição foi mantida.

O Flamengo pediu nesta quinta para que a punição seja convertida em ação social, como em pagamento de multa ou cestas básicas. O tribunal tem até amanhã para decidir se libera ou não o jogador para a final.

Notícias relacionadas

Pelo ponto de vista da diretoria do Flamengo, a conversão da punição não seria “absurda”. O fato da competição já ter terminado e do atleta ter sido expulso a tanto tempo tem seu peso na opinião da direção.

Gustavo Henrique está relacionado para a viagem até Brasilia, onde ocorrerá a partida. Porém caso não seja liberado não poderá ser opção de Jorge Jesus e partirá com a delegação para Quito, onde o Flamengo irá encarar o Independiente Del Valle pela primeira partida da final da Recopa.

Gabigol não poderá jogar primeira partida da Recopa

Vale relembrar que Gabigol estará de fora da primeira partida da Recopa. O camisa 9 do Flamengo foi expulso na final contra o River Plate ano passado. Situação parecida com a de Gustavo Henrique, com a diferença que o centroavante irá pagar sua punição na partida seguinte a expulsão.

Para a partida de volta Gabigol estará de volta para levantar sua plaquinha.

Aloizio Pita de Castro Jr: Um grande amante do futebol e principalmente do Flamengo. Redator com grande experiência e trabalhos em outros grandes portais. Hoje estou no Fla hoje.

Este site usa cookies!