A partida do Flamengo diante do Palmeiras segue inalterada pela CBF, diante de tal cenário, a diretoria rubro negra se movimentou para completar o seu elenco para domingo, com atletas do sub-20.

Atualmente, são 19 jogadores do elenco infectados, ainda existe a possibilidade de novos casos serem reportados. Rodrigo Dunshee, vice-presidente geral do Flamengo, se posicionou ontem via Twitter:

“São 16 atletas contaminados, por enquanto, mais treinador e médico. Essa não é uma simples questão desportiva. Trata-se de uma questão de saúde pública. O resto é clubismo”, comentou.

O Palmeiras protestou em nota oficial logo após o pedido do Flamengo. Bem como em conversas informais, a CBF sinalizou par a realização da partida. Dessa forma, a diretoria do Flamengo se movimentou rapidamente para completar o elenco. Apenas 13 jogadores do elenco profissional não estão com a doença, sendo que destes, 3 estão lesionados. Pedro Rocha e Diego Alves não voltam por enquanto, para Gabigol, existe uma remota possibilidade.

O zagueiro Natan e os atacantes Guilherme Bala e Rodrigo Muniz já haviam sido chamados para confronto da Libertadores, eles seguem no elenco. Além deles, João Fernando (goleiro), ítalo (lateral-esquerdo), Richard Rios (volante), Yuri de Oliveira (meia), Noga, Otávio e Milani (zagueiros) foram chamados para completar o elenco.

Dessa forma, o Flamengo sub-20 irá entrar em campo em várias posições diante do Palmeiras domingo. Além disso, Domenec testou positivo e seu auxiliar ficará no banco. Isso claro, se nada mudar na decisão da CBF.

Leia também: Ainda lesionado, Diego Alves só deve retornar ao Fla em outubro

Veja também: Fora de casa, Flamengo/Marinha vence o Vitória por 1 a 0 pelo Brasileirão