sexta-feira, setembro 25, 2020
Início Notícias Flamengo x Bauru tem iluminação pela metade em nova Arena.

Flamengo x Bauru tem iluminação pela metade em nova Arena.

Torcedores no setor superior não tinham visão do placar principal – Foto: Pedro Ivo Almeida/UOL

UOL: A
Arena Carioca 2 recebeu, na última quinta-feira (26), seu primeiro grande
evento na reta final de preparação para os Jogos Rio-2016. Localizado dentro do
Parque Olímpico da Barra da Tijuca, o ginásio foi palco da vitória do Bauru
sobre o Flamengo – 85 x 80 – no segundo jogo da final do Novo Basquete Brasil
(NBB). E apesar dos inúmeros problemas às vésperas da partida e até mesmo
durante o jogo, apresentou um saldo positivo para o teste inicial.

Muito
elogiada por atletas e comissões técnicas por conta de sua novíssima e moderna
estrutura, a Arena só não conseguiu cair totalmente nas graças do torcedor.
Enquanto os elogios dominavam as primeiras impressões do lado de fora, as
críticas eram severas nas arquibancadas.
As
principais reclamações ficavam por conta da sujeira excessiva nas cadeiras do
setor superior. Os torcedores do Flamengo ainda lamentavam a falta de
funcionamento de bares e tinham que se contentar com os cinco Food Trucks
instalados do lado de fora. Os mais críticos ainda lamentaram o cenário um
pouco escuro durante o jogo.
A
iluminação, aliás, foi o ponto de discórdia dos protagonistas do evento de
basquete. Com apenas 60 refletores ligados – dos 140 disponíveis –, a Arena
teve sua luz funcionando abaixo da metade. O local foi construído e projetado
para a realização das competições de judô, luta olímpica e bocha paralímpica.
“Não
digo que chegou a atrapalhar, mas deu para perceber em alguns momentos.
Inclusive, por não se tratar de um ginásio específico de basquete, algumas
lâmpadas não estavam na posição ideal. Ficaram viradas para o nosso rosto. Mas
vamos levando, sem problema. É um sonho poder estar dentro de um equipamento
olímpico”, comentou o armador Paulinho Boracini, que liderou a vitória de
Bauru.
“Eu,
sinceramente, nem liguei para isso. Acabamos perdendo porque a nossa bola não
caiu e o time deles marcou melhor. A iluminação não influenciou”, minimizou o
derrotado ala Marquinhos, do Flamengo, que só não gostou da distância para a
torcida.
“Estamos
acostumados com aquele caldeirão do Tijuca. Ficamos longe da torcida hoje
[quinta], uma pena. Mas precisamos aceitar isso. A quadra aqui é diferente”,
explicou.
Ponto
de preocupação nos últimos dias, o placar também não agradou por completo. Principalmente
os torcedores. Eram dois no ginásio, mas apenas um – o maior, emprestado pela
Prefeitura de Macaé – era visto pelos jogadores. Nas arquibancadas, boa parte
dos rubro-negros localizados no setor superior, do lado esquerdo dos bancos de
reservas, também reclamavam da falta de visualização do marcador.
“Colocaram
um pequeno aqui ao lado do banco, mas nem dava para ver. E tinha gente na
frente. Pedi aos árbitros para tirarem as pessoas”, disse o técnico do
Bauru, Demétrius Ferraciu, expondo um dos improvisos.
O
sistema de ar-condicionado funcionou bem, deixou a temperatura agradável e não
foi alvo de qualquer reclamação.
Fora
da Arena, poucos problemas. Apesar das inúmeras obras nos arredores do Parque
Olímpico e da falta de estacionamento no local, os torcedores não tiveram
problema para chegar e deixar a Arena.
Satisfeita
com o balanço da primeira partida oficial no local, a organização –
compartilhada entre Flamengo e Liga Nacional de Basquete, sem o Comitê Rio-2016
– não cogita maiores alterações para o jogo de sábado (28), o terceiro da série
final melhor de cinco do NBB.
Sem
poder contar com as suas “casas” cariocas, o Flamengo utilizará a arena
olímpica nesta série final. Enquanto o Tijuca Tênis Clube não reúne condições
exigidas pela Liga, Maracanãzinho e HSBC Arena estão entregues ao Comitê
Rio-2016. Após o sábado, Flamengo e Bauru voltarão a se enfrentar no dia 04 em
Marília. Caso seja necessário, o quinto duelo ocorrerá no dia 11, na Arena
Carioca 2.

MAIS LIDOS

Landim chama de absurdo o jogo não ser adiado

O Flamengo vive um momento muito conturbado fora do campo. O Rubro-negro possui muitos atletas contaminados e, por conta disso, buscou o adiamento da...

Palmeiras x Flamengo: Mauro Cezar diz que Fla “tem que se virar”

O Flamengo vivo um drama nos últimos dias após ter 16 jogadores testados positivos para o COVID-19. O Mais Querido pediu o pedido de...

Jornalista diz que Fla mostra “incoerência” com pedido de adiamento

Apesar de admitir que a situação do Flamengo é difícil, por conta da onda de contaminação pelo novo coronavírus dentro do clube, o jornalista...

Milton Neves sugere que o Fla não entre em campo

O Flamengo está vivendo um momento muito complicado dentro e fora de campo. Com vários jogadores contaminados com o novo coronavírus, o Rubro-negro pediu...