quarta-feira, setembro 23, 2020
Início Notícias Futebol em movimento...

Futebol em movimento…

Zé Ricardo, técnico do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

GILMAR
FERREIRA:
O futebol está a cada dia mais distante do improviso e próximo da
ciência, mas ainda me alinho ao lado daqueles que acreditam que a diferença
possa estar na capacidade intelectual dos jogadores e não nos que priorizam
sistemas ou desenhos táticos.

E
justamente por levar em conta inteligência humana, quase sempre absolvo os
treinadores.
No
mínimo, defendo um tempo maior para a obtenção de resultados.
Não
sei o quanto, mas o necessário para a sensata análise de desempenho de todo o
conjunto _ comandante e comandados.
E O
TEMA vem à tona por dois artigos que chamaram minha atenção numa semana de
cobranças ao técnico do Flamengo por conta dos reveses no Estadual _ todos
ocorridos após o tropeço na Libertadores.
Um
deles do doutor Eduardo Gonçalves, o Tostão, em sua coluna no último domingo.
Que,
lá pelas tantas, concluiu:
“Os
técnicos são importantíssimos, mas muitas coisas ocorrem naturalmente, sem serem
ensaiadas ou planejadas. Além disso, a história de uma partida não pode ser
vista a partir do resultado ou da conduta dos treinadores…”
O
OUTRO foi o de Maurren Flores, que assina no Globo um blog sobre inovação.
Ela
conta num dos artigos que o desenvolvimento de tecnologias para o esporte
mobilizou em 2015 cerca de U$ 2,5 bilhões em investimentos.
E que
israelenses especialistas em soluções voltadas ao aperfeiçoamento tático,
“…analisaram o jogo e entenderam seus jogadores como pessoas altamente
qualificadas que tomam decisões rápidas em situações de risco; assim,
inspiraram-se em simuladores de voo para criar softwares para treinamento
tático especializado…”
OU
SEJA: em qualquer contexto da discussão sobre performance e resultado no
futebol, devemos ter em mente que os esquemas e as soluções táticas passam
fundamentalmente pela capacidade inventiva e a inteligência emocional dos
jogadores.
Não
adianta condenar o treinador, considerando-o responsável por tudo.
Porque
não é.
E no
caso de Zé Ricardo, que entra em campo com a sensação de estar sendo julgado
num Maracanã lotado, os números mostram que, sistematicamente, o Flamengo é um
time bem resolvido.
MAS
SUA EVOLUÇÃO dependerá mais do desempenho individual de jogadores como Diego e
Guerrero do que possíveis deslizes do treinador…

MAIS LIDOS

As notas da vitória do Flamengo em Guayaquil

Em partida complicada pela Libertadores o Flamengo conseguiu uma vitória super importante. Com gols de Pedro e Arrascaeta, o rubro-negro bateu o Barcelona de...

César é criticado pela torcida mesmo após vitória

Na noite desta terça-feira, o Flamengo jogou diante do Barcelona de Guayaquil, no Equador. O Rubror-negro foi a campo com diversos desfalques, inclusive no...

Primeiro tempo do Flamengo encanta Rubro-negros; veja os comentários

Se baseando na última atuação do Flamengo, onde o Rubro-negro simplesmente foi atropelado pelo Independiente del Valle, poucos flamenguistas acreditavam que o primeiro tempo...

Saiu a escalação do Flamengo contra o Barcelona SC

O Flamengo joga nesta terça-feira, em jogo válido pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores da América. O Rubro-negro carioca não poderá...