quarta-feira, setembro 23, 2020
Início Notícias Globo opta por alterações para enfraquecer Ei.

Globo opta por alterações para enfraquecer Ei.

Imagem: Divulgação

O TEMPO: Com o assédio cada vez maior do Esporte
Interativo, a Rede Globo teve que se mobilizar para não perder contratos com
alguns clubes, pelos direitos de transmissão. Para isso, a emissora vai propor
mudanças no acordos a partir de 2019. A informação foi divulgada pelo blog do
jornalista Rodrigo Mattos, do Uol Esporte, que entrevistou o diretor da Globo
Esportes, Pedro Garcia.

Na entrevista, Garcia não teria confirmado qual seria o
novo modelo utilizado, mas o blog teria apurado que o padrão adotado seria de
40% distribuídos de forma igual, 30% por premiação e 30% por audiência.
Com contrato assinado com Cruzeiro, Atlético, Corinthians,
Vasco e Botafogo, a emissora poderia promover mudanças em tais acordos. Pedro
Garcia, no entanto não deu muitos detalhes sobre as alterações e ainda revelou
que outros clubes já estariam acertados.
“De novo, é complicado comentar uma negociação que está em
andamento. Não é justo para as partes envolvidas. O que podemos dizer é que
continuamos conversando com todos esses times que fazem o grande espetáculo do
futebol. Já fechamos, inclusive, com um desses que você citou e com vários
outros que não estão nesta sua lista, contratos que chegam até ao ano de 2024,
já no novo modelo. Nosso compromisso é de longo prazo, e vamos seguir lutando
junto com os clubes para que o futebol brasileiro cresça, sempre respeitando as
marcas que patrocinam e anunciam neste esporte e os torcedores que são
apaixonados por ele”, afirmou o diretor da rede.
Mas se mesmo com as mudanças propostas, alguns times
decidirem fechar com o Esporte Interativo, a Globo promete tentar manter o
acordo em outro meios, que não seja na tv fechada.
“Negociaremos TV aberta e Pay Per View com os clubes que
tiverem a TV fechada comprada pela Turner. Nós só não poderemos negociar
transmissão com clubes que fecharem contrato com players que nos impeçam disso.
Não vamos comentar esta ou aquela proposta. Cada um tem que ser responsável e
comprometido com o que faz. Nós acreditamos que temos a melhor proposta para
cada uma das janelas de transmissão, separada ou coletivamente”, revelou Garcia
ao blog.
O atual modelo de distribuição de cotas para transmissão televisiva
dos clubes brasileiros, era bastante criticado, por privilegiar algumas
agremiações, como Corinthians e Flamengo. Nesse cenário, o Esporte Interativo
surgiu como um forte candidato a adquirir os direitos de alguns times, que
vinham negociando com o canal.

MAIS LIDOS

As notas da vitória do Flamengo em Guayaquil

Em partida complicada pela Libertadores o Flamengo conseguiu uma vitória super importante. Com gols de Pedro e Arrascaeta, o rubro-negro bateu o Barcelona de...

César é criticado pela torcida mesmo após vitória

Na noite desta terça-feira, o Flamengo jogou diante do Barcelona de Guayaquil, no Equador. O Rubror-negro foi a campo com diversos desfalques, inclusive no...

Primeiro tempo do Flamengo encanta Rubro-negros; veja os comentários

Se baseando na última atuação do Flamengo, onde o Rubro-negro simplesmente foi atropelado pelo Independiente del Valle, poucos flamenguistas acreditavam que o primeiro tempo...

Saiu a escalação do Flamengo contra o Barcelona SC

O Flamengo joga nesta terça-feira, em jogo válido pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores da América. O Rubro-negro carioca não poderá...