• Início
  • Notícias
  • Gol se junta a outras empresas aéreas e vai oferecer atendimento especial a quem tinha passagens para Santiago
Publicidade

Gol se junta a outras empresas aéreas e vai oferecer atendimento especial a quem tinha passagens para Santiago

A Nação chegou ao mês de novembro festejando a histórica classificação para a final da Libertadores após um igualmente histórico 5 a 0 sobre o Grêmio. A felicidade por quebrar um tabu de 38 anos sem jogar a decisão continental virou apreensão quando foram divulgadas as primeiras notícias sobre uma possível mudança de sede por causa dos protestos contra o governo que tomaram conta do Chile. A frustração veio quando a CONMEBOL confirmou a alteração da cidade onde será a final: de Santiago para Lima, no Peru. O que fazer com as passagens já compradas? A resposta veio no dia seguinte à confirmação da mudança: empresas aéreas já se disponibilizaram para facilitar alterações e cancelamentos. Depois da Latam puxar a fila, na manhã desta terça-feira (6) foi a vez da Gol prestar serviço especial para os clientes que iam à capital chilena.

Em seu twitter oficial, a empresa se colocou à disposição para realizar cancelamento ou alteração do itinerário de viagem sem custos adicionais.

Com dezenas de milhares de rubro-negros e millonarios se deslocando para a decisão, a mudança de cidade-sede se transformou em um transtorno. A Latam, porém, não criou problemas: mesmo sem culpa ou envolvimento nos motivos que causaram a alteração, a empresa se dispôs a ajudar. Torcedores com ingressos para a decisão vão ter o caminho facilitado para mudar – sem pagar a mais – suas passagens com destino a Santiago por bilhetes rumo a Lima. A Gol informou não poder fazer o mesmo por não operar vôos na capital peruana.

Antes do anúncio da Gol, o vice-presidente geral do Flamengo, Rodrigo Dunshee de Abranches, chegou a tuitar elogiando a atitude da Latam e pedindo que outras empresas também facilitassem o serviço a torcedores com problemas por causa da alteração. Segundo o jornalista Diogo Dantas, do jornal Extra, o clube se colocou à disposição para fazer publicidade de marcas que flexibilizem suas políticas de cancelamento e troca. A atitude serviria também para denunciar empresas que não ajudassem na empreitada.

Por: Coluna do Fla


© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod