Ida de Reinier ao Real Madrid pode entrar no ranking de vendas mais caras do futebol nacional

Com estilo comparado ao de Kaká, a provável ida do brasiliense Reinier, de apenas 17 anos, ao Real Madrid pode se tornar a oitava maior venda do futebol brasileiro (em valores absolutos). O jovem atleta já foi aprovado nos exames médicos realizados na concentração da seleção brasileira pré-olímpica e pode ser anunciado a qualquer momento pelos Merengues, em uma negociação de cerca de 30 milhões de euros (R$ 136 milhões).

Reinier é de Brasília e marcou seu primeiro gol profissional em pleno Mané Garrincha, diante da família, na vitória por 3 a 0 sobre o Avaí, pelo Campeonato Brasileiro 2019. Após a partida, Jorge Jesus se rendeu ao jovem e o comparou a outro craque também brasiliense: “Ele terá um futuro brilhante. Tem coisas parecidas com um jogador brasileiro que foi muito cedo para o exterior. Tem estilo e o perfil físico de Kaká“, disse o português em coletiva. Pelo elenco principal, participou de 15 jogos e marcou seis gols – o último na goleada sobre o mesmo adversário de seu primeiro tento (6 a 1 contra o Leão da Ilha).

FOTO: PEDRO VALE

Maiores vendas do futebol brasileiro
(Em valores brutos)

1. Neymar para o Barcelona – € 88,4 milhões
(R$ 275,3 milhões à época)

2. Rodrygo para o Real Madrid – € 45 milhões
(R$ 194 milhões à época)
Vinicius Júnior para o Real Madrid – € 45 milhões
( R$ 164 milhões à época)

3. Lucas Moura para o PSG – € 43 milhões
(R$ 108 milhões à época)

4. Lucas Paquetá ao Milan – € 35 milhões
(R$ 150 milhões à época)

5. Gabriel Jesus ao Manchester City – € 32,75 milhões
(R$ 121,1 milhões à época)

6. Oscar ao Chelsea – € 32 milhões
(R$ 79 milhões à época)

7. Denílson ao Betis – € 31,5 milhões
(R$ 83,9 milhões à época)

8. Arthur ao Barcelona – € 30 milhões
(R$ 120 milhões à época)

Reinier ao Real Madrid – € 30 milhões
(R$136 milhões cotação atual)
venda ainda não confirmada

9. Gabigol à Inter de Milão – € 27 milhões
(R$ 98,81 milhões à época)

10. Bernardo ao Shakhtar Donetsk – € 25 milhões
(R$ 77 milhões à época)

O Flamengo, empatado com o Santos, é o maior vendedor de joias da base no ranking. Entre as dez maiores, três pertencem ao Rubro-Negro. Internacional, Grêmio, Palmeiras e Atlético-MG aparecem com uma venda cada. O São Paulo, por sua vez, entra na lista com dois representantes.

Por: Coluna do Fla

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.