quarta-feira, setembro 23, 2020
Início Notícias J. Jesus descarta sair do Flamengo por violência no Rio: “Nunca será...

J. Jesus descarta sair do Flamengo por violência no Rio: “Nunca será por causa disso”

O Flamengo tem sido bastante elogiado. Para muitos, é o melhor time rubro-negro desde o início dos anos 90. Isso se deve ao que Jorge Jesus tem feito no comando do clube. Porém, há cerca de um mês, os torcedores foram pegos de surpresa quando o jornalista português Rui Santos, comentarista do canal de televisão “SIC Notícias” em Portugal, afirmou que o treinador deixará o Brasil e o Fla no início de 2020, incomodado com a violência no Rio de Janeiro.

Questionado sobre o tema, em entrevista coletiva há algumas semanas, o comandante disse que não poderia falar sobre algo que não saiu da boca dele. Com isso, Jorge Jesus não confirmou, mas também não negou a informação do jornalista português. Por isso, os torcedores mantiveram a preocupação em alta. Em entrevista ao Esporte Espetacular, da TV Globo, o Mister rechaçou a ideia de sair do Flamengo devido à violência e se vê adaptado ao Rio de Janeiro.

– Eu não quero ser o transmissor de coisas que eu não vejo. Mas é o que se fala: “Mister, não ande com relógio, não ande com colar”… Mas não quero falar disso porque me sinto normal, me sinto bem. Mas aquilo que se fala lá fora é o fim do mundo. Se um dia eu tiver que sair do Flamengo, nunca será por causa disso. Nunca! Porque esses problemas, se eles existem, eu estou lá para combater. Eu não saio, estou lá – garantiu o treinador, que já se vê adaptado à cidade:

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / MARCELO CORTES / FLAMENGO

– Tenho me adaptado bem, minha vida é fácil. É CT, Ninho, e minha casa. De noite vou jantar, vou para casa…Esta é minha vida. Também fazia assim em Portugal. Só que lá, nas horas de lazer, encontrava com meus amigos. Aqui é muito longe, às vezes anda uma hora, uma hora e meia de carro. Em Portugal, para andar uma hora e meia de carro, chego em Coimbra, no meio do país (risos). Tudo é diferente -, comparou o comandante.

Porém, a ideia de sair do Flamengo não está descartada, mas por outros motivos. Jorge Jesus não aceita que interfiram externamente em seu trabalho. Ele comentou que respeita a hierarquia do clube, mas é ele quem toma as decisões sobre o futebol. Caso queiram tirar sua autonomia, o treinador pede para sair do Rubro-Negro carioca.

– Sou capaz de sair por outras coisas muito, muito, muito mais fáceis. Que tem a ver com a minha decisão de treinador. Quem trabalha comigo sabe como eu sou. Eu decido. O clube não é meu, tem um presidente acima, uma administração, mas na equipe sou eu que mando. E quando há qualquer coisa que não é como quero, eu (bate na mão) vou embora -, finalizou o Mister.

Por: Coluna do Fla

MAIS LIDOS

Jesus revela o motivo de ter deixado o Flamengo e se emociona

O técnico Jorge Jesus deixou o Flamengo logo após a conquista do Campeonato Carioca. Como o treinador tinha acabado de renovar o seu contrato,...

Secretario-geral da CBF diz que Palmeiras x Flamengo não deve ser adiado

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, o secretario-geral da CBF, Walter Feldman assegurou que não pretende adiar a partida entre Palmeiras e Flamengo, apesar do...

Edmundo critica o Flamengo por pedido de adiamento

Após dois jogos difíceis da Libertadores da América, o foco do Flamengo é no Campeonato Brasileiro. No próximo sábado, está maracado mais um jogo...

Rodrigo Caio é o oitavo atleta com Covid-19

O Flamengo vem de uma vitória que deu um alívio grande aos atletas e ao técnico Dome Torrent após a goleada histórica sofrida na...