Jesus pede bolada para renovar com o Flamengo

O Flamengo paralizou todas as atividades do clube devido a pandemia de coronavírus (COVID-19). A paralização fez com que as negociações com o técnico Jorge Jesus não avançassem da forma como os dirigentes do Mais Querido previam.

O contrato do Mister com o Mais Querido é válido até maio, um dos principais impasses da negociação é o valor pedido do treinador que não agrada os dirigentes flamenguistas. Sendo assim, o clube enfrenta além da dificuldade de reuniões presenciais, o desencontro entre as propostas salariais pedidas e oferecidas.

De acordo com Jorge Nicola, comentarista da ESPN Brasil, o português teria pedido ao Flamengo cerca de  7 milhões de euros por temporada (algo em torno de R$ 38,5 milhões). O valor é considerado alto pelo Rubro-negro e caso o martelo seja batido, o português entrará para o top-20 treinadores com os maiores salários do mundo do futebol.

Em sua edição mais recente sobre os técnicos mais bem pagos, a revista France Football listou quais são esses treinadores. Na 20ª colocação, aparece o francês Bruno Genesio, do Beijing Guoan, ganhando 8 milhões de euros (R$ 44,1 milhões), um milhão a mais por ano do que pediu Jesus.

Outros dois treinadores ganham na casa dos 8 milhões por ano: Thomas Tuchel, do Paris Saint-Germain , com 8,5 milhões (R$ 46,82 milhões) e Ole Gunnar Solskjaer, do Manchester United , com 8,3 milhões (R$ 45,72 milhões).

As primeiras colocações ficam com o Diego Simeone, do Atlético de Madrid, com 40,5 milhões de euros por ano (R$ 223,35 milhões), Antonio Conte, da Inter de Milão, com 30 milhões de euros (R$ 165,44 milhões) e Pep Guardiola, do Manchester City, com 27 milhões (R$ 148,73 milhões).

Compartilhe

Apaixonada por futebol. Jornalista formada pela UNITAU e com passagens por portais esportivos. Viva o futebol, viva o Esporte.