• Início
  • Notícias
  • Em mais uma entrevista, Luxa volta a falar de Jorge Jesus e irrita torcida do Flamengo
Publicidade

Em mais uma entrevista, Luxa volta a falar de Jorge Jesus e irrita torcida do Flamengo

Como se tornou comum nos últimos meses, Vanderlei Luxemburgo, que atualmente defende as cores do Palmeiras, voltou a falar e a cutucar o Flamengo se referindo a última temporada, onde o gigante carioca conquistou o Brasileiro e Libertadores. Durante o programa Jogo Sagrado, da Fox Sports, o treinador minimizou e questionou os feitos do técnico Jorge Jesus com o Flamengo, em especial a conquista da Libertadores.

E o Jesus, quando ele veio para o Flamengo, no início foi muito perigoso, porque seria tudo ao contrário, nós estaríamos falando tudo diferente aqui, se aquela penalitzinho do Emelec fosse dado… Aquilo lá deu uma segurança pro Jesus, dali pra frente ele contratou, deu saúde para os jogadores. Nunca teve no Brasil cinco jogadores que jogaram a Champions jogando no mesmo time“, questionou.

Para 2020, o projeto da diretoria flamenguista é conquistar ainda mais títulos. Para que isso ocorra o Mengão se reforçou com jogadores de peso e manteve a base vencedora da última temporada. As falas de Vanderlei se referindo ao trabalho de Jorge Jesus no Flamengo está irritando a torcida Rubro-negra. Em comentários no Twitter, muitos detonaram o treinador do time de São Paulo.

 

Em entrevista ao Esporte Interativo na última semana, Luxa falou que teria a receita para vencer o Mengão.

“Tenho (a receita para ganhar do Flamengo), mas não vou contar não. Toda equipe, por mais que seja forte, ela é vulnerável em alguns sentidos. Você tem que trabalhar na vulnerabilidade dessa equipe. É que nem uma luta de boxe, o cara pode ser muito forte, mas se der uma pancadinha no fígado ele pode afrouxar. Tem que saber onde atacar a fragilidade do adversário. Eu sabia que o Flamengo tinha uma fragilidade, e aí eu ataquei a fragilidade deles”, disse Luxemburgo.

“O Flamengo tem uma equipe individualmente fantástica. Individualmente, eles passaram por cima da gente. Mas na parte tática e coletiva do jogo fomos melhores, pois identificamos o Flamengo nas suas virtudes e identificamos nos defeitos que tem. Marcamos o defeito com propriedade”, afirmou.


© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod