Mais uma vez, Flamengo goleia o Palmeiras em termos financeiros.

Eduardo Bandeira de Mello, Presidente do Flamengo, na Gávea – Foto: Cris Dissat / Fim de Jogo

INFOMONEY:
Mais uma vez, repetindo o ano anterior, o Flamengo foi o clube que melhor
administrou as finanças no Brasil em 2016, de acordo com o relatório anual
Análise Econômico-Financeira dos Clubes Brasileiros de Futebol, publicado pelo
Itaú BBA. O carioca se beneficia, segundo as previsões da instituição, do
aumento das Cotas de TV, e o crescimento em 2016 com relação a 2015 deve ser de
28%.

Usando
dados preliminares e outros cálculos abertos dos clubes, já que o balanço
completo não costuma vir até abril, o BBA ressalta que pode cometer alguns
erros nas análises. No caso do Flamengo, o destaque é uma possível subestimação
das despesas do rubro-negro.
O
Ebitda – geração de caixa operacional – do campeão em finanças de 2016 fica, na
análise do BBA, R$ 34 milhões mais alto que o do segundo colocado, o Palmeiras,
campeão brasileiro no ano passado. A relação entre receitas e despesas do clube
carioca fica em R$ 146 milhões, ante R$ 112 milhões do alviverde.
Com
receitas consideravelmente maiores que as vistas em 2015 (R$ 477 milhões ante
R$ 301), o Palmeiras também viu muito dinheiro sair de seu caixa em 2016,
conforme a análise do BBA. Foram gastos de R$ 365 milhões, ante apenas R$ 159
milhões no ano anterior, o que gerou queda de R$ 30 milhões no Ebitda, conforme
as estimativas.
São
Paulo e Corinthians, em terceiro e quarto lugares respectivamente, viram suas
gerações de caixa crescerem no ano avaliado. Com R$ 107 milhões de Ebitda, o
tricolor paulista viu tremendo avanço em relação a 2015, quando somou R$ 50
milhões. O mesmo com o Timão, cuja geração passou de R$ 32 milhões para R$ 101
milhões.
Em
termos financeiros, o destaque negativo vai para o Internacional, cujo Ebitda
foi negativo, em oposição a todos os demais clubes analisados. Com perda de
caixa de R$ 20 milhões, o gaúcho viu o desempenho em campo refletido nas
finanças, “ou vice-versa”, como aponta o relatório. Confira a tabela com
ganhos, despesas e Ebitda dos 12 maiores clubes do país: 

Público
Além
de vencer em campo, o Palmeiras, no ano passado, venceu na arquibancada. A
média de público dos clubes, aliás, costuma ter relação com o desempenho da
equipe no campeonato. Desta vez, com média de 32.520 pessoas nas arquibancadas,
o Palmeiras superou em 13% o segundo colocado nesse quesito, o rival paulistano
Corinthians – campeão no ano anterior.
Por: FlaHoje

MAIS LIDOS

SBT divulga chamada para jogo do Flamengo na Liberta; Assista

O Flamengo terá pela frente um grande jogo de futebol marcado para essa terça-feira, com transmissão do SBT. Um dia após completar um ano...

Com medo do Fla, Globo toma medida desesperada para concorrer com o SBT

A Globo traçou sua estratégia para competir com o jogo do Flamengo diante do Racing pela Libertadores. A partida será transmitida pelo SBT e...

Problema recorrente: Flamengo lidera estatísticas de chances perdidas

Na partida do último sábado diante do Coritiba, uma das maiores reclamações da torcida do Flamengo se deu ao número de chances reais de...

Com bom retrospecto contra argentinos, Flamengo chega confiante na Libertadores

O Flamengo começa sua caminhada na fase de mata mata da Libertadores amanhã, diante do Racing da Argentina. Se o futebol apresentado pela equipe...