Maracanã: abandono como presente de aniversário.

Maracanã em dia de jogo do Flamengo – Foto: Divulgação

O
GLOBO
: O governo do Estado anda postergando uma solução para o Maracanã.
Internamente, pessoas próximas ao governador Luiz Fernando Pezão dizem que ele
pretende deixar isso para o próximo governo. Essa estagnação diante da
licitação, os altos preços para o uso do estádio, clubes querendo construir
arenas e uma dificuldade de ver o Maracanã como uma casa autossustentável para
as necessidades dos clubes podem estar condenando seu futuro. Um dos maiores
símbolos do futebol mundial, que completou 67 anos na última sexta-feira,
encaminha-se para virar um elefante branco.

Com a
Odebrecht prestes a deixar a administração dos estádio e os altos custos para
jogar lá, Flamengo e Fluminense se movimentam ativamente nos bastidores para
viabilizar a construção de seus próprios estádios. O Flu quer usar a estrutura
da Arena do Futuro — que deveria virar quatro escolas municipais — para
construir uma arena tricolor em outra área do Parque Olímpico da Barra. A
diretoria acredita que um estádio de até 25 mil pessoas atenda à capacidade do
clube.
Já o
Flamengo, além da arena multiuso da Gávea, que ainda briga com a associação de
moradores para construir na sede do clube, busca um local para um estádio para
menos de 40 mil pessoas. Barra (também no Parque Olímpico), Niterói e margens
da Avenida Brasil estão entre os lugares almejados pelo rubro-negro.
Se
todos esses projetos saírem mesmo do papel, a viabilidade do Maracanã como um
modelo de gestão lucrativo e sem subsídios públicos passa a ser quase nenhuma.
Isso porque, pelo tamanho e custo de manutenção, o Maracanã precisa que dois
clubes mandem com frequências jogos lá. O custo de manutenção alto e a
dificuldade em ter receitas complementares (naming rights, lojas, restaurantes
e estacionamentos) não permitem que o estádios sirva apenas para 15 jogos no
ano, contando que Botafogo e Vasco também façam clássicos e partidas mais
importantes lá.
Sem
Fla e Flu, empresas que também já demonstraram interesse em administrar o
Maracanã ameaçam recuar.

Compartilhe

O FlaHoje é um portal eletrônico de notícias voltado exclusivamente os torcedores do Flamengo. Nosso objetivo é mostrar as principais notícias com qualidade, rapidez e imparcialidade, focando notícias do nosso time favorito, o Rubro-Negro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.