Mas o Maracanã não sobrevivia sem o Flamengo?

Maracanã vazio em jogo do Fluminense – Foto: Lucas Merçon

LANCE:
Em termos financeiros, atuar no Maracanã é um péssimo negócio para o
Fluminense. Em três partidas como mandante no Campeonato Brasileiro, o clube
das Laranjeiras acumula um prejuízo de R$ 1.047.832,82. Os confrontos com
Santos, Vitória e Atlético-PR tiveram média de 11.532 torcedores pagantes.

Depois
de enfrentar o Palmeiras neste sábado, na Allianz Arena, o Fluminense volta ao
Maracanã na próxima quinta-feira, dia 15, e recebe o Grêmio pela 7ª rodada do
Campeonato Brasileiro. O confronto tricolor será às 21h. O clássico contra o
Flamengo, dia 18 às 16h, também foi marcado para o Maracanã.
Com o
imbróglio judicial envolvendo o Maracanã, o planejamento da diretoria do
Fluminense era mandar os jogos de menor apelo no Giulite Coutinho, em Mesquita,
que já havia servido como casa para o Tricolor em 2016. Porém, a queda de parte
da cobertura do estádio no início do ano atrapalhou os planos.
Atualmente,
o estádio do América está impossibilitado de receber jogos por conta de algumas
exigências do Ministério Público. A próxima reunião do América com o Ministério
Público, além do Fluminense como terceira parte interessada, acontecerá no dia
19 de junho.. e deve selar a liberação do palco.
Compartilhe

O FlaHoje é um portal eletrônico de notícias voltado exclusivamente os torcedores do Flamengo. Nosso objetivo é mostrar as principais notícias com qualidade, rapidez e imparcialidade, focando notícias do nosso time favorito, o Rubro-Negro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.