sexta-feira, setembro 25, 2020
Início Notícias Maurício Prado critica Zé Ricardo: "Por que não tirou Márcio Araújo?"

Maurício Prado critica Zé Ricardo: “Por que não tirou Márcio Araújo?”

Márcio Araújo em Corinthians x Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

RENATO
MAURÍCIO PRADO
: Jogo após jogo, a defesa do Flamengo continua a atuar em linha
e a levar gols com bolas nas costas. Foi assim que Jô abriu o placar para o
Corinthians, no primeiro tempo, e quase decidiu, já no finalzinho da partida,
quando Diego Alves, ao contrário do que acontecera na etapa inicial, conseguiu
fazer uma defesa difícil, em chute cruzado idêntico.

Do
jeito que a coisa está feia e diante dos zagueiros disponíveis (Juan, velho, e
Vaz, horroroso), ao menos na ausência de Rhodolfo, acho que está na hora de o
técnico Zé Ricardo experimentar uma formação com três zagueiros – e Rômulo me
parece a melhor opção para completar o trio, entrando no lugar do inútil Márcio
Araújo, que além de atrasar todas as saídas de bola, ainda se mete agora a
avançar para desferir medonhos chutes na arquibancada.
No
empate em 1 a 1, no Itaquerão, o Flamengo foi péssimo no primeiro tempo e só
não viu a vaca ir pro brejo definitivamente porque a arbitragem cometeu um erro
crasso, anulando gol legal de Jô, com o placar em branco. Ainda assim, o
rubro-negro se perdeu e, mesmo com maior posse de bola, não conseguiu criar
bulhufas em termos ofensivos, atuando com a defesa exposta o tempo todo. Um a
zero foi um baita lucro para o time de Zé Ricardo.
Após o
intervalo, com a substituição de Cuellar por William Arão (por que diabos não
no lugar do maldito Araújo???), o Fla melhorou e, diante de um Corinthians que
passou praticamente só a se defender, esperando um contra-ataque, começou a
ameaçar o gol de Cássio, na base do abafa. O gol de empate acabou saindo na
cobrança de um escanteio, quando Juan (que pouco antes já obrigara Cássio a fazer
grande defesa, em outra cobrança de córner) cabeceou para Réver e este, num
bela meia-bicicleta colocou 1  a 1, no
placar.
A
entrada de Berrio (no lugar de Trauco, passando Éverton para a lateral e
Éverton Ribeiro para o lado esquerdo) aumentou um pouco mais o poder ofensivo
do Mais Querido e numa jogada do colombiano com Arão (que entrou muito bem no
jogo), Diego perdeu um gol feito, na cara de Cássio! Continua mal o maestro e
já são duas vitorias que escapam nos seus pés (pênalti contra o Palmeiras e
hoje)…
Houve
ainda uma bola no travessão corintiano, num cruzamento que o zagueiro cortou
mal e enganou Cássio, e com a entrada de Vinícius Jr, aos 40 do segundo tempo
(deveria ter entrado mais cedo, pois Diego estava cansado e com a mão
machucada), os cariocas ameaçaram em outras ocasiões, mas não conseguiram
marcar.]
No
finalzinho, em outra bola nas costas da zaga, Jô quase deu a vitória ao Timão.
Mas aí, Diego Alves, que me pareceu ter saltado atrasado no gol, se redimiu,
fazendo grande defesa.
Fim de
jogo e a torcida do Flamengo continua com motivos de sobra para se preocupar.
Ou Zé Ricardo acerta essa zaga, ou vai perder todos os títulos que disputa esse
ano. A Libertadores e, agora, o Brasileiro, já eram.
A
PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR: ONDE ESTÁ MÁRCIO ARAÚJO?

Foto: Reprodução

MAIS LIDOS

Conmebol nega pedido do Fla para inscrever mais dez atletas na Libertadores

O Flamengo sofre com o surto de contaminação pelo novo coronavírus instalado no clube. 16 jogadores pegaram Covid-19 nos últimos dias e a equipe...

Jair Ventura pede atacante do Flamengo pagando 100% do salário

O Flamengo possui um dos times mais qualificados do futebol sul-americano. Com tamanha qualidade técnica, é certo que muitos jovens atletas não terão a...

Cada um pensando em seu próprio umbigo

Muito do que tem acontecido nas últimas horas no futebol brasileiro serve para reforçar algo que já é histórico em relação a nossos dirigentes:...

Dirigente espera poder contar com atletas infectados na quarta

O Flamengo está passando por um surto de covid-19 em seu elenco. Ao todo, são 23 casos, inclusive entre comissão técnica e dirigentes. O...