Na parte debaixo, é o Flamengo quem destoa.

Por: Fla hoje

Gilmar
Ferreira – Interessante o levantamento feito pelo Correio Braziliense,
mostrando que entre os dez primeiros do Brasileiro apenas o São Paulo ainda
manda seus jogos nos chamados “estádios antigos” _ ou “novas
arenas”, como queiram.
E mais
interessante ainda perceber que estes ocupam a parte de cima da tabela _ com o
São Paulo de exceção, no oitavo lugar.
Na
parte debaixo, é o Flamengo quem destoa, com rendimento de 42,2%, mesmo
“mandando” os jogos no Maracanã.
Acho
que há pelo menos duas importantes mensagens nas entrelinhas deste enfoque.
A
primeira nos mostra que em competições técnicamente equilibradas o conforto aos
torcedores já faz diferença.
E a
segunda, atrelada à primeira, indica que quanto mais torcedores pagantes no estádio,
mais dinheiro _ e quanto mais dinheiro, mais poder.
Custo
a entender a demora de alguns clubes em aderir ao plano de sócio-torcedor.
Quem o
tem, sabe a maraliha que é…
VASCO 0 x 4 PALMEIRAS.
A
mediocridade coletiva do time que Celso Roth levou a campo não suportou a
pressão do Palmeiras de Marcelo de Oliveira.
Que
precisou de apenas 34 minutos para fazer 3 a 0 e administrar o resultado.
E o
que se vê do Vasco hoje espelha o passo atrás de um o clube que abandonou a
gestão profissional do seu futebol pelo superado modelo familiar.
Chega
a dar pena.
Fora
dos limites da Federação de Rubens Lopes, o Vasco não tem respeito, não tem
vergonha e nem tem futuro…
GOIÁS 0 x 1 FLAMENGO.
César,
o goleiro, garantiu outra vitória rubro-negra fora de casa, com defesas
arrojadas e sorte.
Cristóvão
Borges repetiu o formato com três volantes, mas o time sentiu a ausência de
Wallace e Emerson _ sobretudo a do atacante.
No
segundo tempo, com Allan Patrick no lugar de Canteros, o Flamengo fez
prevalecer sua melhor qualidade.
Trabalhou
melhor a bola e fez o gol único, com Cirino aproveitando assistência de
Guerrero.
Sofreu
pressão no final, mas voltou com os três pontos…
CHAPECOENSE 2 x 1 FLUMINENSE.
Talvez
tenha sido das melhores atuações sob o comando de Enderson Moreira.
A
Chapecoense perdeu apenas um dos oito jogos que fez na Arena Cond.
O
Fluminense, porém, não intimidou e jogou como se estivesse em casa _ e com
entendimento animador da dupla Osvaldo/Marco Júnior!
A
atuação confusa da arbitragem e a derrota empanaram o desempenho tricolor. ´
Mas o
resultado não refletiu o futebol exibido pelas duas equipes.
BAHIA 1 x 1 BOTAFOGO.
Resultado
muito bom do time ainda dirigido pelo interino Jair Ventura, filho do
“Furacão” Jairzinho.
Não
apenas pelo ponto fora de casa diante de um adversário que havia vencido os
seis jogos disputados com seu mando de campo.
Mas
também por mostrar maturidade.
O
Botafogo soube suportar a pressão do Bahia no início e no final, sem se omitir
do jogo.
Ricardo
Gomes estreia com dois jogos no Engenhão.
E isso
é ótimo.

MAIS LIDOS

Tudo normal: Diego Alves tira onda após mais um titulo do Mengão

O Flamengo foi campeão após uma temporada muito irregular. O Internacional chegou a ficar disparado na ponta da tabela do Brasileirão, entretanto, o Rubro-negro...

Denílson não deixou barato. Ele colocou uma máscara do Gabigol e aloprou a Renata Fan

O Flamengo jogou na noite desta quinta-feira diante do São Paulo, em jogo válido pela 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-negro...

”Cabo, Flamengo é campeão”: Reação desesperada do torcida do Inter com titulo do Mengão

O Flamengo jogou na noite desta quinta-feira diante do São Paulo, em último jogo do Campeonato Brasileiro. O Rubro-negro carioca não jogou nada bem...

Põe no DVD: Patrick chora muito com titulo do Mengão; torcida do Fla tira onda

O Flamengo é novamente  campeão brasileiro. Após um ano difícil, com a pandemia e a saída e contratação de treinadores, o Rubro-negro conseguiu uma...