• Início
  • Notícias
  • “Não aguentei a pressão”, diz Mugni ao justificar insucesso no Flamengo
Publicidade

“Não aguentei a pressão”, diz Mugni ao justificar insucesso no Flamengo

Publicidade

Desde que deu início à reestruturação financeira, o Flamengo tem investido no elenco. Em 2014, o clube começou a investir e comprou o meia-armador Lucas Mugni, que pertencia ao Colón, da Argentina. O Rubro-Negro pagou 1,25 milhão de dólares (cerca de R$ 3 milhões na cotação da época) pelo jogador. O atleta, no entanto, não deu certo no Rubro-Negro e justificou.

Lucas Mugni foi contratado pelo Sport para a atual temporada e assumiu a responsabilidade do seu insucesso no Flamengo. Na visão do meia-armador, ele era muito novo e, com isso, não estava preparado para receber a pressão que foi exercida sobre si.

FOTO: ANDERSON STEVENS / SPORT

— Essa é uma oportunidade que eu queria. Gostaria de uma segunda passagem. Não fiquei feliz com a primeira. Tinha ainda um espinho na garganta da primeira. Na primeira, eu era muito novo, o Flamengo é um dos maiores clubes do Mundo e não aguentei a pressão. Era muito novo e não consegui. Foi uma passagem não muito boa para mim -, disse o meia, que jogou pelo Flamengo em 2014, quando tinha 22 anos.

Lucas Mugni não teve sucesso no Flamengo. Ele atuou durante um ano e meio no Fla, até ser emprestado para o Newell’s Old Boys, da Argentina. Pelo Rubro-Negro carioca, ele atuou em 51 jogos e marcou cinco gols. Mugni, no entanto, se vê mais profissional para tentar dar certo no time nordestino e projeta conquistar espaço na equipe do técnico Guto Ferreira.

— Agora eu sou um profissional 24 horas, quando estou de folga eu como sabendo que pertenço a um time muito grande. É o único jeito de ser um jogador importante. Estou em um clube muito popular e lembro que, quando estava no Flamengo, todos falavam que jogar aqui era complicado.

Por: Coluna do Fla

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod