• Início
  • Notícias
  • Nicola fala sobre a situação financeira do Flamengo e diz que é necessário vender jogadores
Publicidade

Nicola fala sobre a situação financeira do Flamengo e diz que é necessário vender jogadores

Publicidade

O jornalista Jorge Nicola falou na tarde de hoje na ESPN sobre a situação econômica do Flamengo. Na análise de Nicola, o Flamengo precisará correr para vender jogadores, se quiser cumprir com seus vencimentos. Ou seja, vendas serão necessárias nos próximos dias. Embora recentemente tenha contratado Pedro por altos valores e renovado com Diego Alves, no mês de Janeiro, o rubro negro terá parcelas pesadas de contratações de 2019 e 2020 para quitar. Assim, é provável que Lincoln seja o primeiro negociado, seguido de algum outro atleta. No entanto, para venda, boas propostas precisam chegar.

Lincoln até teve recentemente sondagem de cerca de R$20 milhões de um clube do Chipre. Porém as negociações não saíram do papel. Existe a expectativa de que outras propostas em moldes parecidos surjam para o jogador. Porém, ainda seria necessária outra venda. Resta para a diretoria do Flamengo esperar por uma boa proposta, de preferência em um jogador que hoje não é considerado importante. Vitinho, Michael, Léo Pereira ou algum outro atleta da base poderiam ser essa válvula econômica para o início do próximo ano.

Orçamento do clube não desmente fala do jornalista

Jorge Nicola tem base para afirmar sobre as finanças do Flamengo. Afinal, o próprio clube deixou esses pontos claros em seu orçamento. Se em 2020, o orçamento previa R$80 milhões em vendas de jogadores, em 2021 prevê R$164 milhões. Ou seja, mais que o dobro da temporada anterior.

Diante dos fatos, não há o que argumentar. O Flamengo precisará negociar jogadores. E como já explicado, isso não significa perder nomes importantes do elenco ou alguma peça chave. Significa apenas, vender atletas por bons valores a fim de trazer fluxo de caixa.

Necessidade de ir ao mercado também para comprar

O departamento de futebol do Flamengo precisará ser criativo na temporada de 2021. Afinal, com uma receita curta em contratações e maior necessidade de vendas, ainda assim a carência em determinados setores do elenco persiste. A lateral direita e a zaga são os pontos mais questionados. Mas após a lesão de Thiago Maia, a posição de volante passou também a ter poucas opções. Com Everton Ribeiro e Arrascaeta convocados frequentemente, o meio de campo também poderá ter uma contratação como “soma de elenco”.

Leia também: Luxa posta vídeo no hospital e torcida de vários times se juntam para desejar boa recuperação ao treinador 

Veja também: Flamengo promove campanha de vacinação contra a gripe na Gávea e no CT

Publicidade
Publicidade

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod