Ele merecia mais: Pedro se despede da Copa com mensagem emocionante

0
Pedro Seleção
Foto: (Foto: Reprodução/Ricardo Nogueira/CBF)

O Brasil foi eliminado pela Croácia da Copa do Mundo após um jogo ótimo no segundo tempo, mas o gol não saiu. Pedro, craque Rubro-negro, mostrou um bom futebol na Copa. Nas redes sociais, Pedro lamentou a eliminação do Brasil da Copa do Mundo.

Quando nos aventuramos no esporte de alto rendimento, sabemos existir o lado da dor e o lado da felicidade. Vitória e derrota. Mesmo consciente disso, nunca estaremos preparados para a dor e a derrota.

A Copa nos leva a viver os extremos. Hoje vivemos o pior lado da extremidade. Dói. Machuca. Uma tristeza inexplicável. Uma dor que nos tira do rumo.

Temos como caminho seguir adiante. Sofrer, aprender com as derrotas e buscar evolução. Assim faremos.

Voltaremos ainda mais fortes. Obrigado por todo carinho e apoio. Nós sonhamos juntos, Brasil. Por mais difícil que esteja sendo hoje, seguiremos juntos sonhando e trabalhando para tornar realidade.

Obrigado meu Deus pela oportunidade. Em tudo dai graça

Faltou ele na Seleção? Desempenho de Gabigol em cobranças de pênaltis assusta

Apesar de muita expectativa em cima da Seleção Brasileira em busca do hexa, o Brasil, mais uma vez, ficou nas quartas de final após perder para a Croácia na disputa por pênaltis. Por conta da má atuação nas cobranças da marca da cal, a ausência de Gabigol, exímio cobrador do Flamengo, vem sendo bastante repercutida após a eliminação precoce da canarinho.

Quando olhamos para os números de Gabigol no Flamengo cobrando pênaltis, as reclamações por sua ausência na Copa do Mundo se justificam. O camisa 10 da equipe carioca possui um aproveitamento de 89% em penalidades com o manto sagrado. Ao todo, foram 37 cobranças com apenas três desperdiçadas, destas, nenhuma foi defendida pelo goleiro, já que atingiram a trave.

Além da qualidade para cobrar pênaltis, Gabigol, para muitos, deveria ter sido convocado por seu grande momento com a camisa do Flamengo. Desde 2019 no rubro-negro, o atacante acumula números espetaculares e vem sendo o maior artilheiro do Brasil, ganhando títulos importantes com frequência. Apesar de seu sucesso, Tite não o convocou e deu poucas oportunidades ao artilheiro durante o ciclo da Copa do Mundo do Catar.

Gabigol, apesar de chamar a atenção do futebol europeu, possui um contrato longo com o Flamengo e deve seguir em alto nível neste próximo ciclo que se inicia rumo a Copa do Mundo de 2026. A tendência, é que, independentemente do próximo comandante da canarinho, chame o atacante do Flamengo. A possível chegada de um estrangeiro não é descartada.