domingo, setembro 20, 2020
Início Notícias Pena que o Flamengo não fez como a Ronda.

Pena que o Flamengo não fez como a Ronda.

Falando
de Flamengo – Com a presença da incrível Ronda “Rowdy” Rousey na torcida,
inclusive vestindo o Manto Sagrado e estampando um imenso sorriso, eu só queria
que o Flamengo, inspirado pela campeã do UFC, tivesse nocauteado o Santos no
Maracanã para felicidade da imensa Nação Rubro-Negra que lotou o estádio.
Abrindo
mão corretamente do seu sistema de três volantes, o Cristóvão deu uma merecida
oportunidade para que o Alan Patrick começasse a partida. A mudança tática
rendeu frutos e dominamos completamente o primeiro tempo. Muitas oportunidades
ofensivas e muita posse de bola resultaram no placar de 2 a 0 na parte final da
primeira etapa, com distância de um minuto entre o golaço do Alan Patrick de
fora da área e a finalização matadora do Sheik.
Mas
fazendo referência novamente ao universo das lutas, quem perde a oportunidade
de nocautear acaba dando chance para que o oponente se recupere e corra atrás
do prejuízo no round seguinte. E foi exatamente o que aconteceu. O Santos
voltou para o segundo tempo com uma postura totalmente diferente e começou a
chegar com perigo no ataque.
É
impressionante como o Flamengo não leva o mínimo de ameaça ao adversário quando
o assunto é escanteio. De novo foram sei lá quantas chances e nada. E quem não
faz (gol de escanteio), leva. Ricardo Oliveira subiu sozinho na pequena área,
mandou pra rede e deu início ao novo perrengue rubro-negro.
Não
importa quão bem o Mengão jogue, o perrengue sempre vem. Mas de verdade, não vi
um declínio do time no jogo que sirva de crítica para justificar o empate, e
sim uma melhora do Santos que fez com que as coisas começassem a dar certo para
eles na partida.
Tanto
é que quando o objetivo deles foi alcançado, visivelmente começaram a cair de
rendimento e quiseram se prender ao empate. Esse fato por muito pouco não
permitiu que a gente conseguisse marcar o terceiro gol e acabasse com o jogo. É
aquela coisa também… da mesma forma que o perrengue é marca registrada desse
time, o fôlego final para tentar resolver a parada também é. Mas não deu certo.
Apesar
do resultado, vejo um Flamengo melhor e mais confiante. Porém, como isso
aconteceu tardiamente, qualquer tropeço atrapalha os planos mais otimistas. Que
no próximo domingo os pais rubro-negros ganhem os três pontos de presente, para
que esse deslize seja rapidamente superado com novas vitórias.
Felippe
Fogli

MAIS LIDOS

Willian Arão é criticado por Mauro Cezar Pereira

Com a saída de Jorge Jesus e chegada de Dome Torrent, os torcedores já esperavam que alguns atletas iriam ter uma queda de dempenho,...

Quatro jogadores do Flamengo testam positivo para covid-19

A onda de notícias ruins não acabam no rubro-negro. Segundo o repórter Vene Casangrande, quatro jogadores do Flamengo testaram positivo para covid-19. E todos...

Thuler titular: Torcedores pedem oportunidades ao zagueiro

O Flamengo vem de uma dura derrota para o Independiente del Valle. No jogo contra os equatorianos, pela Libertadores da América, o sistema defensivo...

Perfil diz que Jorge Jesus aceitaria retornar ao Fla num cenário

O torcedor do Flamengo estava torcendo para Dome Torrent conseguir fazer com que o Flamengo continuasse jogando um futebol de alto nível. Entretanto, isso não aconteceu....