Na noite de hoje, o Flamengo enfrentará o Athletico-PR pela Copa do Brasil. O rubro negro quer deixar o passado no passado, e dessa vez, eliminar a equipe paranaense da competição. O cenário é diferente, se ano passado o furacão vinha de um bom trabalho com Tiago Nunes e o Flamengo iniciava seu trabalho com Jesus, neste ano Dome já se encaixou no Flamengo e o Athletico-PR vai muito mal na temporada, já sem Tiago.

Mas, em especial o Flamengo, que vive maratona “maluca” de jogos na temporada, preservar se mostra necessário. E é exatamente isso que Dome pensa para a noite de hoje. Gérson foi “sacrificado” nos últimos jogos, entrando em todas as partidas já que Everton Ribeiro esteve convocado e Arrasca esteve machucado. Além disso, Everton e Arrasca seguem desfalcando o Flamengo por suas seleções, e Diego se machucou. Dessa forma, Gérson será o único meia armador em breve no elenco, disponível para jogar.

Por isso, pensando na maratona que Gérson já teve que enfrentar, além da que ele irá enfrentar pela frente, a opção em poupar hoje se mostra válida. Ainda mais se analisarmos a situação de Thiago Maia e Arão, suspensos para a partida de domingo pelo Brasileirão, nenhum dos dois estará a disposição, enquanto hoje, ambos podem jogar.

Assim, o meio de campo do Flamengo deverá ser composto por Thiago Maia, Arão, Everton Ribeiro e Vitinho, com Bruno Henrique e Pedro na frente. Diego Alves treinou entre os titulares, Filipe Luís, Isla, Natan e Gustavo Henrique devem compor a defesa.

Leia também: Hugo Souza encaminha renovação com o Fla; multa será gigantesca

Veja também: Flamengo finaliza a preparação para o confronto contra o Athletico-PR, pela Copa do Brasil