segunda-feira, setembro 28, 2020
Início Notícias 'Sem querer', Corinthians passa o Flamengo em patrocínio.

‘Sem querer’, Corinthians passa o Flamengo em patrocínio.

Rodrigo
Mattos – Com a alta do dólar, o contrato do Corinthians com a Nike passou a ser
o maior de fornecedor esportivo do Brasil, superando o valor a ser recebido
pelo Flamengo da Adidas. Isso se explica porque o clube alvinegro tem o seu
acordo atrelado ao dólar, e o time rubro-negro, não.
A
informação sobre o crescimento do contrato corintiano com o dólar foi publicada
pela primeira vez pela coluna “Época Esporte Clubes”.  O vice-presidente financeiro do Corinthians,
Emerson Piovezan, confirmou ao blog que o clube será beneficiado pelo novo
câmbio.
“Temos
alguns compromissos dolarizados ou em euros. Neste (Nike), teremos um ganho. Em
outros, teremos prejuízo como é o caso do pagamento do Elias. Esse contrato com
a Nike sempre foi em dólar, e na renovação se manteve”, contou.
No
ano passado, o contrato com a Nike foi renovado até 2022 com o objetivo de
receber luvas para cobrir um buraco nas finanças por falta de pagamento de
impostos. Segundo Piovezan, não houve nenhuma antecipação de receita.
Até
o ano passado, após a renovação, o Corinthians previa ganhar R$ 22 milhões em
valor fixo da Nike, e outro percentual variável que elevava o montante a cerca
de R$ 30 milhões por ano. Isso com o dólar a 2,5. Agora, com a moeda
norte-americana a R$ 4,1, o total pode atingir R$ 48 milhões. Claro, isso vai depender
do câmbio quando o clube alvinegro for receber seus pagamentos trimestrais. O
efeito maior deve ser em 2016.
Certo
é que, no cenário atual em que não se vislumbra queda da moeda americana, o
valor ficará acima do que o Flamengo ganha da Adidas que é de R$ 35 milhões
contando os valores fixos e variáveis. Era o maior acordo de uniforme do Brasil
até antes da disparada do dólar.
“Infelizmente,
nosso contrato não é em dólar. No momento, se pudêssemos escolher, seria bom
que tivesse feito em dólar”, contou o vice-presidente de marketing do
Flamengo, João Rodrigo Sabino, que lembrou que não era possível prever o atual
cenário econômico na assinatura do acordo feita no final de 2012.
Considerada
toda a camisa, incluindo patrocínios, o clube rubro-negro deve fechar à frente
do Corinthians neste ano de 2015. A estimativa da diretoria é de que o Flamengo
atinja R$ 100 milhões em parcerias de marketing neste ano. O time alvinegro
está em um patamar mais baixo, em torno de R$ 70 milhões, o que deve ter um crescimento
com esse efeito Nike no final do ano.

MAIS LIDOS

Dome se diz “extremamente orgulhoso” da atuação do Fla após empate

Ausente no empate em 1 a 1 diante do Palmeiras, na tarde deste domingo (27), Domènec Torrent, afastado por estar infectado pelo novo coronavírus,...

Torcida do Palmeiras pede a cabeça de Luxa após empate; veja os comentários

O Flamengo entrou em campo na tarde deste domingo, diante do Palmeiras, no Allianz Parque. O Rubro-negro viu o time paulista abrir o placar, entretanto,...

Jordi Guerrero rasga elogios a Base do Fla: “Estavam preparados para jogar”

Jordi Guerrero, substituto de Domènec Torrent na tarde deste domingo diante do Palmeiras, onde a equipe saiu de campo com um empate em 1...

Lincoln cutuca o Palmeiras após grande atuação

O Flamengo entrou em campo na tarde deste domingo, em jogo contra o Palmeiras. O confronto pelo Campeonato Brasileiro por pouco não saiu do...