sexta-feira, setembro 25, 2020
Início Notícias Zé Ricardo se reinventa e apresenta nova forma do Flamengo jogar.

Zé Ricardo se reinventa e apresenta nova forma do Flamengo jogar.

Abel Braga, jogadores do Flamengo e Zé Ricardo – Foto: Gilvan de Souza

UOL: O
Flamengo surpreendeu o Fluminense na primeira partida da final do Campeonato
Carioca ao escalar dois pontas agressivos – Everton e Berrío – que bloquearam
as ações do adversário. O Rubro-negro viveu um dos melhores momentos no ano e
encaixou uma fórmula interessante para atuar nas seguidas decisões do semestre.

Com a
força da dupla, o Flamengo travou os avanços dos laterais tricolores Lucas e
Léo. Pará e Trauco, por sua vez, ficaram responsáveis pelos bloqueios de
Wellington Silva e Richarlison. A estratégia funcionou. O Fluminense pouco
ameaçou e não vazou o gol defendido por Alex Muralha. Além disso, Guerrero teve
grande atuação, funcionando como um autêntico pivô e dando trabalho aos rivais.
O
placar de 1 a 0 talvez não tenha traduzido o amplo domínio rubro-negro, o que
deixou o técnico tricolor Abel Braga confiante em uma decisão aberta no próximo
domingo (7). O Flamengo tem a vantagem do empate para conquistar o 34º título
Estadual da história, o sexto de forma invicta.
No
entanto, a chave está virada para a Copa Libertadores e o duelo importantíssimo
contra a Universidad Católica-CHI, quarta-feira (3), às 21h45 (de Brasília), no
Maracanã. Uma vitória em casa pode colocar o clube da Gávea antecipadamente nas
oitavas de final da competição Sul-Americana. Para isso, basta que o
Rubro-negro faça a sua parte e o San Lorenzo-ARG não vença o Atlético-PR.
Assim
como colocou o Fluminense nas cordas, o Flamengo precisará de nova dose de
inspiração para surpreender e travar a eficiente equipe chilena. O técnico Zé
Ricardo tem problemas e estuda alternativas.
Berrío
(suspenso), Diego (em recuperação de cirurgia no joelho) e Donatti (lesão na
panturrilha) estão fora do compromisso. O volante Rômulo sofreu uma entorse no
joelho e dificilmente terá condições de entrar em campo.

Ricardo insistirá em um time forte pelas pontas para sustentar o padrão. A
confiança segue no atacante Paolo Guerrero, recuperado de cãibras na
panturrilha direita e principal esperança de gols do Flamengo.
“Temos
a certeza de que faremos a nossa melhor partida na Libertadores. Só depende da
gente. Estaremos em casa, com um Maracanã lotado e temos tudo para sair
classificados. Jogaremos de acordo com isso. Nosso grupo quer algo a mais e
decidimos que entraremos para a história esse ano”, encerrou Rafael Vaz.

MAIS LIDOS

Conmebol nega pedido do Fla para inscrever mais dez atletas na Libertadores

O Flamengo sofre com o surto de contaminação pelo novo coronavírus instalado no clube. 16 jogadores pegaram Covid-19 nos últimos dias e a equipe...

Jair Ventura pede atacante do Flamengo pagando 100% do salário

O Flamengo possui um dos times mais qualificados do futebol sul-americano. Com tamanha qualidade técnica, é certo que muitos jovens atletas não terão a...

Cada um pensando em seu próprio umbigo

Muito do que tem acontecido nas últimas horas no futebol brasileiro serve para reforçar algo que já é histórico em relação a nossos dirigentes:...

Dirigente espera poder contar com atletas infectados na quarta

O Flamengo está passando por um surto de covid-19 em seu elenco. Ao todo, são 23 casos, inclusive entre comissão técnica e dirigentes. O...