Tag: Cartola FC

Bruno Henrique fecha rodada como maior pontuador do fantasy game “Cartola FC”

O Flamengo venceu a Chapecoense por 1 a 0 na 23ª rodada do Brasileirão, que foi encerrada no último domingo (06). O gol da partida saiu após cabeceio do atacante Bruno Henrique. O camisa 27 serviu de referência no ataque rubro-negro, que não tinha Gabigol e De Arrascaeta, duas de suas principais peças. Além do tento marcado, o atleta esteve envolvido em outros lances de efeito. Não a toa, ele foi quem mais pontuou no Cartola FC, fantasy game baseado no Campeonato Brasileiro.

Ao todo, somando gol, chute na trave, finalizações, roubadas de bola e mais, o atacante do Flamengo chegou à marca de 17,70 pontos. Quem esteve mais próximo dele foi o goleiro Tadeu, do Goiás, que levou exatos 17 pontos após ser o principal nome do triunfo por 1 a 0 sobre o Ceará.

No game, Bruno Henrique é ainda um dos mais caros. Atrás apenas do goleiro Vanderlei – que custa 22,89 cartoletas e não entra em campo desde a sexta rodada – o camisa 27 vale 21,91. Logo na sequência, Gabigol completa o pódio, com 19,48 e De Arrascaeta é o quinto, valendo 18,35. Vale lembrar que, na próxima rodada, quando o Flamengo encara o Atlético-MG, tanto o camisa 9, quanto o meia seguem fora. O atacante estará na seleção brasileira, enquanto o uruguaio ainda se recupera de cirurgia no joelho esquerdo.

Por: Coluna do Fla

Com três gols e duas assistências, Arrascaeta quebra recorde e atinge maior pontuação da história do Cartola FC

Uma manhã histórica para o craque uruguaio De Arrascaeta. O camisa 14 do Flamengo teve uma atuação absolutamente perfeita: o meia anotou três gols, deu uma assistência e foi peça fundamental da goleada por 6 a 1 que o Rubro-Negro aplicou sobre o Goiás no Maracanã. Os números foram impressionantes e colocaram “Arrasca” na história também fora de campo: no jogaço contra o Esmeraldino, o meia atingiu a maior pontuação individual de um jogador em toda a trajetória do jogo Cartola FC.

Além das participações diretas em gols, o uruguaio teve uma finalização defendida, duas roubadas de bola e sofreu duas faltas – quesitos que contam pontos positivos. Cinco passes errados na partida descontaram 1,5 ponto da marca final dele. Assim, o camisa 14 teve 37,7 pontos na rodada.

Foto: André Mourão

Arrascaeta quebrou marca que pertencia a Neymar e durava desde 2011. O craque brasileiro atingiu 37,2 pontos na goleada do Santos sobre o Athletico por 4 a 1. Além do uruguaio, há outras duas atuações rubro-negras entre as 10 maiores pontuações da histórias do Cartola: Ibson, em 2008, em vitória por 5 a 2 contra o Palmeiras, atingiu 33 pontos; e Thiago Neves anotou 32,9 em goleada por 5 a 1 sobre o Cruzeiro em 2011.

Por: Coluna do Fla

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod