Tag: Galvão Bueno

Galvão Bueno irá narrar a final da Supercopa do Brasil

No próximo domingo tem final da Supercopa do Brasil. A partida será transmitida pela Globo em horário, no mínimo, estranho. Assim como foi a Supercopa do ano passado, a partida será transmitida na parte da manhã. Mais especificamente às 11 horas (de Brasília), Flamengo e Palmeiras estarão entrando em campo no Mané Garrincha para a disputa.

Após mais de 14 meses sem participar de narrações na emissora, chegou o momento de Galvão Bueno voltar a narrar jogos. O profissional está escalado para o jogo de domingo.

Galvão é considerado grupo de risco pela emissora Globo, por isso ficou todo esse tempo afastado. Só que agora, Galvão tomou as duas doses da vacina contra a doença, e poderá voltar ao trabalho.

Segundo informações do UOL, ainda sim a partida não será feita no estádio, e sim nos estúdios da Globo. Garantindo melhores condições para os protocolos da emissora.

Junto de Galvão Bueno estarão Júnior e Caio Ribeiro de comentaristas. Ironicamente, a última partida que Galvão Bueno narrou pela Globo foi justamente a final da Supercopa do Brasil, ano passado, quando o Flamengo foi campeão vencendo o Athletico por 3 a 0, também no Mané Garrincha.

Tempo para se preparar

No quesito tempo, o Flamengo terá uma vantagem em relação ao Palmeiras. Isso porque a equipe paulista joga nesta quarta no Equador, em partida válida pela ida da final da Recopa Sul-Americana.

Enquanto isso, o Flamengo que jogou ontem pelo Campeonato Carioca, terá o restante da semana para treinar e se preparar para a final de domingo.

Nos últimos anos a rivalidade entre Flamengo e Palmeiras vem se acentuando, principalmente pela disputa frequente de títulos entre as duas equipes. Domingo será mais uma oportunidade de travar outro bom duelo.

Leia também: Opinião: Flamengo faz jogo quase impecável e lembra os melhores momentos

Veja também: Mengão goleia o Madureira por 5 a 1 e retoma a liderança do Cariocão

Galvão detona defesa do Flamengo: “próxima ao ridículo”

Após mais um vexame do Flamengo em campo diante do São Paulo, ficou difícil ver no sistema defensivo do rubro negro algo de positivo. A partida de ontem escancarou um Flamengo fraco no sistema ofensivo e ainda pior no sistema defensivo. Por mais que Ceni tenha “madrugado” em busca de um time mais estável, o resultado não vem e o rendimento continua fraco. O Flamengo tem hoje uma de suas defesas mais vazadas no século.

Na partida de ontem Rogério Ceni não pode contar com Rodrigo Caio, Isla e Filipe Luís, jogadores considerados pilares dessa linha de quatro defensores. Galvão Bueno fez uma análise sucinta de como enxerga a equipe sem esses jogadores.

“A defesa do Flamengo é muito ruim. Sem Isla, Rodrigo Caio e Filipe Luís, a defesa é muito fraca. E com esses jogadores que jogaram ontem não existe confiança. Cada vez que o adversário ataca, é um transtorno. O Flamengo tem um problema seríssimo na defesa. Desestabiliza o time inteiro. Essa defesa do Flamengo sem o Rodrigo Caio é próxima ao ridículo”, comentou.

Escolhas erradas de jogadores ajudam a explicar momento

A grande verdade é que o sistema defensivo do Flamengo escancara decisões equivocadas por parte da diretoria. O Flamengo até hoje não buscou seu lateral direito para compor elenco, e precisa ter em Matheusinho, em vários momentos, a solução da posição, mesmo ainda em formação. Pelo lado esquerdo, Renê não desempenha um futebol minimamente qualificado ofensivamente, prejudicando o time. Já na zaga a situação é pior, o Flamengo buscou dois nomes e os dois não funcionam. A torcida já perdeu a paciência com Léo Pereira e Gustavo Henrique a algum tempo, e ambos não parecem ter condições de reverter a situação.

Leia também: Ceni desabafa após pênalti de Vitinho; Assista

Veja também: Flamengo é derrotado pelo São Paulo por 3 a 0 e encerra participação na Copa do Brasil

Flahoje.com surgiu como uma alternativa para os flamenguistas curtirem as notícias do seu time imparcialmente.

© 2022 Flahoje. Todos os direitos reservados.