Tag: João Luis Jr

“Estar na final do Carioca para o Flamengo não é mérito, é obrigação”, diz João Luis Jr

Não se pode dizer que o Fla x Flu desse sábado não foi emocionante. Afinal, os times se revezaram na liderança do placar, tivemos várias jogadas perigosas e, como parece ter se tornado de praxe nos confrontos entre as duas equipes em 2019, tivemos também nossa cota de faltas bizarras, cartões desnecessários e descontrole emocional a granel.

Também não se pode dizer que a partida não foi polêmica. Afinal, desde a chegada do VAR no Campeonato Carioca ficou claro que a ferramenta seria bem menos eficiente para a redução dos erros de arbitragem do que ela seria para garantir que toda jogada, seja ela um pênalti ou uma reversão de lateral, se transformaria num circo com jogadores das duas equipes pedindo a utilização das câmeras, chegando num ponto em que “VAR VAR” tem sido mais gritado nos estádios do que o nome de qualquer artilheiro.

Mas uma coisa que o clássico desse sábado não foi, de maneira alguma, é surpreendente. Afinal, o Flamengo se complicando diante de uma equipe de investimento e capacidade técnica inferior? Acontece praticamente toda semana. As nossas laterais sendo mais uma fonte de preocupação do que de alegrias? Quase toda partida. William Arão te fazendo pensar em qualquer tipo de variação tática que permita ao Flamengo funcionar sem William Arão? Acredito que acontece com o torcedor médio ao menos uma vez a cada 15 minutos. Arrascaeta no banco enquanto você se pergunta pra que gastamos tanto dinheiro com Arrascaeta se é pra ele ficar no banco? Bem, essa é a nova moda de 2019.

Mas no fim o Flamengo cumpriu sua obrigação e, com um empate bem mais suado do que qualquer lógica recomendaria, selou a sua classificação para a final do Campeonato Carioca, num chute de Gabigol que contou com uma gentil colaboração do goleiro tricolor.

E ainda que a classificação seja importante – afinal, o Campeonato Carioca não vale nada, mas imagine como ficaria a situação na Gávea se após uma derrota dentro de casa na Libertadores fôssemos eliminados do estadual pelo tiki-taka de baixo custo de Fernando Diniz – ela não muda o fato de que o Flamengo segue apresentando os mesmo problemas dos últimos jogos, problemas esses que geram sintomas como sofrimento para empatar com o Fluminense e graves complicações em jogos internacionais que não precisariam ser tão complicados assim.

Então por mais que seja improvável que Abel Braga solucione tudo isso até o jogo contra o San José na próxima quinta-feira, é necessário sim esperar que o Flamengo comece a fazer valer a qualidade da sua equipe de forma coletiva e não através de espasmos individuais, que consiga dominar as ações sem se tornar vítima de contra-ataques aleatórios, que entenda que em partidas decisivas é preciso sim estar pilhado, mas sem nunca deixar de lado a frieza essencial para vencer.

Porque a dura classificação desse sábado contra o Fluminense é muito menos razão para comemorar e muito mais razão para pensar: como pode ser tão difícil assim para esse Flamengo passar por esse Fluminense?

Por: Isso Aqui É Flamengo | ESPN

© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod