Tag: Marí

Marí entrega camisa a mini-torcedora do Flamengo

O Flamengo estreou no Mundial de Clubes nesta terça-feira, contra o Al-Hilal, em partida válida pela semifinal da competição. O Mais Querido levou a melhor, saiu com a vitória e garantiu sua classificação para a grande final. Ao término do jogo, Pablo Marí foi até as arquibancadas e presenteou uma mini-torcedora com a camisa.

Veja o momento fofura do zagueiro:

O Rubro-Negro venceu a equipe da Arábia Saudita por 3×1, de virada. Arrascaeta e Diego comandaram o time do Flamengo, Bruno Henrique brilhou e o sonho da Nação está vivo: o Maior do Mundo vai disputar a final da Copa do Mundo de Clubes da FIFA. O adversário será conhecido nesta quarta-feira, após o duelo entre Liverpool e Monterrey.

Em 2019, o Mengão está fazendo um ano mágico e revivendo as emoções de 1981. Após erguer a taça da Copa Libertadores, consagrando o Flamengo como bicampeão da América, os jogadores já escreveram seus nomes na história do Rubro-Negro. No próximo sábado (21), às 14h30 (horário de Brasília), o time comandado por Jorge Jesus volta aos gramados para tentar triunfar mundialmente.

Por: Coluna do Fla

Juan enaltece dupla de zagueiros do Flamengo: “Se completam”

A temporada realizada pelo Flamengo ficou marcada pelas contratações pontuais da diretoria. Todos os jogadores que chegaram no segundo semestre contribuíram para os êxitos do ano. Não foi diferente de Pablo Marí, que atuando ao lado de Rodrigo Caio, se transformaram em uma das zagas mais poderosas da América do Sul. Juan, ex-zagueiro do Mengão, enalteceu a fase da dupla.

— Eles se completam. Pablo é um jogador que chama atenção pois veio de outra cultura, meio que caiu de paraquedas no meio do Brasileiro e Libertadores, e foi abraçado pelo time e correspondeu. Pessoal da análise de mercado foi muito feliz em pinçar ele em meio a milhares de jogadores. Rodrigo sou suspeito para falar. É um jogador que sempre admirei desde minha época de jogador.

FOTO: REPRODUÇÃO

Ídolo no Mais Querido, Juan foi escolhido por Landim para trabalhar diretamente com os jogadores, desde a base até o profissional. O ex-jogador do Flamengo conhece bastante o clube, pois é cria da base. O ex-atleta também elogiou a capacidade de inteligência de Jorge Jesus.

— Mister é um treinador referência em Portugal, respeitado na Europa. Técnico de altíssimo nível, todos os jogadores que trabalharam com ele falam muito bem dele, o que ele fez esse ano dá mais credibilidade, pois no Brasil é difícil, foi quebrando paradigmas.

Nesta terça-feira (17), Jorge Jesus e o Flamengo podem dar mais um passo à frente. Se venceram o Al-Hilal, da Arábia Saudita, às 14h30 (horário de Brasília), chegam a final do Mundial de Clubes.

Por: Coluna do Fla

Marí vai à Espanha renovar passaporte e não enfrenta Palmeiras

O Flamengo vive momentos de festa e tem três rodadas no Brasileirão apenas para cumprir tabela. No próximo domingo (01/12), o Mais Querido enfrenta o Palmeiras em São Paulo e já tem ao menos um desfalque confirmado: Pablo Marí. O espanhol foi liberado nesta sexta-feira (29), não treinou e viajou para a Espanha, seu país natal. O motivo é burocrático: precisa renovar seu passaporte.

O zagueiro já não esteve em campo na última quarta-feira (27), contra o Ceará, no Maracanã. Na ocasião, um entorse no tornozelo o tirou de campo. Rhodolfo foi o substituto e deve ser, novamente, no fim de semana.

FOTO: MARCELO CORTES / FLAMENGO

Rhodolfo, provável substituto de Pablo Marí, atuou em 14 oportunidades nesta temporada – marcou um gol e contribuiu com com nove desarmes. São sete partidas pelo Brasileirão, seis como titular. Contra o Cruzeiro, no dia 21 de setembro, o zagueiro entrou no lugar de Bruno Henrique (com cartão amarelo).

Nesta sexta-feira (29), a CBF acatou pedido do Ministério Público de São Paulo e vetou a torcida visitante no confronto entre Palmeiras e Flamengo, que acontece no próximo domingo (31). O MP e a Polícia Militar de São Paulo enviaram ofício no início da semana citando “risco de confronto entre as duas torcidas” para justificar o pedido. A CBF decidiu acatar a decisão. O encontro, portanto, não contará com flamenguistas.

Por: Coluna do Fla

Marí comenta sobre bicampeonato da Libertadores: “Só queria chorar, abraçar o pessoal, foi muito bonito”

O Flamengo venceu o River Plate por 2 a 1, no sábado (23), e se consagrou bicampeão da Copa Libertadores da América. Em um jogo disputado, o time Rubro-Negro garantiu a vitória aos 47 do segundo tempo com o segundo gol de Gabriel Barbosa, e conquistou a tão sonhada taça da América, depois de 38 anos sem vencer uma final. Após a conquista, o zagueiro do Mais Querido, Pablo Marí destacou a emoção que sentiu nos minutos decisivos do confronto histórico.

— Nós empatamos a partida praticamente aos 90 minutos. Foi tudo muito rápido. Estava faltando pouco tempo para que a partida acabasse, mas estávamos tranquilos. Foi um grande lançamento do Diego, o Gabi pegou e fez o gol. Foi uma emoção muito grande. Em cinco minutos, vencemos a final da Libertadores. Foi algo incrível. Só queria chorar, abraçar o pessoal, foi muito bonito.

Além de comentar sobre a vitória contra o River Plate nos momentos finais da partida, o camisa 4 do Flamengo também falou sobre a importância do título da Copa Libertadores para sua carreira. Em uma coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (26), no Ninho do Urubu, Pablo Marí enalteceu também a presença da torcida nesta conquista.

— Eu não tinha nenhum título, e o primeiro que ganhei foi a Libertadores. Para mim foi algo muito bonito. A saída do aeroporto, com aquela quantidade de pessoas apoiando, nos deu muita energia. Ver tanta gente apoiando… Creio que essa Libertadores também era muito importante para a torcida do Flamengo. Foram muitos anos tentando buscar esse troféu, e por fim, o trouxemos de volta. Creio que foi merecido, por conta de todo nosso trabalho ao longo do ano. Quando voltamos (para o Brasil), a torcida também nos saudou no ônibus, foi incrível.

O próximo desafio do Flamengo será contra o Ceará, nesta quarta-feira (27), às 19h30, horário de Brasilia, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. O troféu da competição será entregue nesta partida contra a equipe cearense, que marcará a 35ª rodada do torneio de pontos corridos.

Por: Coluna do Fla

“O que decidir, respeitaremos”, opina Marí sobre futuro do Mister no Flamengo

Em menos de cinco meses, Jorge Jesus revolucionou o futebol brasileiro, quebrou os principais tabus da história rubro-negra e se tornou ídolo incontestável da maior torcida do mundo. É impossível não reconhecer a gratidão por esses 33 jogos (23 vitórias, oito empates e duas derrotas) e, principalmente, pelos títulos conquistados de forma soberana. O futuro ainda é incerto, mas, se depender do zagueiro Pablo Marí, o Mister ainda tem muita página para escrever na Gávea.

O importante é que ele se sinta feliz aqui. É um grande treinador e já demonstrou isso. Ele mudou o Flamengo em quatro meses. O Mister é livre para fazer o que quiser em seu futuro. Obviamente, como jogador dele, torço para que siga aqui por muito tempo. Mas ele tem que decidir o que é melhor para ele. O que decidir, respeitaremos -, declarou.
FOTO: ISABELLE COSTA/COLUNA DO FLA

Jorge Jesus não fez só história no Flamengo, mas também deixou lições para o futebol brasileiro. Desde o momento que estreou, o português armou um esquema ofensivo e, ainda sim, não abdicou de uma boa defesa com a linha avançada. Logo em sua chegada. Há, também, a quebra de ideia sobre poupar um elenco inteiro para priorizar competições em um calendário confuso. Internamente, o maior preceito do Mister é outro.

– Creio que uma das principais características do Mister é que ele consegue tirar o melhor de cada um dos jogadores. Isso nos levou ao título de campeões da América -, disse Pablo Marí, o primeiro espanhol campeão da Libertadores.

Por: Coluna do Fla

Marí faz campanha por convocação à Seleção Espanhola: “Seria maravilhoso”

O Flamengo passou por um longo processo de mudanças, desde a administração, até chegar às quatro linhas. Em 2019, o planejamento foi consolidado com os títulos da Libertadores e do Brasileirão. Para chegar a isso, o Rubro-Negro precisou de contratações assertivas, como foram as de Pablo Marí, zagueiro espanhol, e Jorge Jesus, técnico português.

No Flamengo, ambos ganharam uma atenção que jamais tiveram ao longo da carreira, e o zagueiro não esconde a gratidão ao treinador e também ao clube. Na crescente pelo Fla, Marí já cogita, inclusive, defender a Seleção Espanhola, o que antes parecia um sonho distante, uma vez que ele atuava pelo modesto Deportivo La Coruña, na segunda divisão da Espanha.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

– Eu já disse outras vezes que não estaria aqui, se não fosse o Mister. Ele foi quem teve a ideia de me trazer aqui. Então, só tenho agradecimentos para ele. Evidentemente, depois que ele me trouxe, o responsável sou eu. Tenho sido muito profissional no dia a dia, desde que cheguei. Estou muito orgulhoso por dar essa taça à Espanha. Sou o primeiro espanhol a vencer uma Libertadores para mim é algo muito bonito. Como objetivo, também tenho a convocação para a Seleção Espanhola. Para mim, seria maravilho. Tomara que aconteça algum dia, ter a possibilidade de vestir essa camisa, que seria motivo de muito orgulho.

Aos 26 anos, Marí jamais havia atuado fora do continente europeu. Antes de chegar ao Flamengo, ele defendeu Mallorca, Nàstic, Girona e Deportivo La Coruña na Espanha, além do NAC Breda, da Holanda. Apesar disso, ele pertencia ao Manchester City, da Inglaterra, mas nunca chegou a entrar em campo no time comandado por Pep Guardiola.

Por: Coluna do Fla

“Não se pode mais duvidar dele”, declara Marí sobre Gabigol

A temporada de 2019 ainda não se encerrou para o Flamengo, no entanto, já é certo dizer que este é um dos anos mais vitoriosos da equipe no futebol. Campeão do Brasileirão e da Libertadores – feito que nenhuma equipe havia conseguido no atual formato das competições – o Rubro-Negro emplaca diversos destaques individuais. Esse é o caso, por exemplo, do atacante Gabigol, herói da final da Libertadores, que já marcou 40 gols na temporada. Porém, não é apenas a torcida que se impressiona com os feitos do camisa 9, como deixa claro o zagueiro Pablo Marí.

Contratado pelo Flamengo no início do segundo semestre, Marí chegou ainda como desconhecido, uma vez que atuava na segunda divisão da Espanha, pelo Deportivo La Coruña. No entanto, não levou muito tempo para conquistar seu espaço no Fla. E para se solidificar no Rubro-Negro, ele revela que teve grande ajuda de Gabriel, destacando a força do atleta também no extra-campo.

– Gabriel é um grandíssimo jogador, creio que não se pode duvidar mais dele, pelo que ele demonstrou neste ano. Com a pouca idade que tem, é praticamente um dos melhores em sua idade. Então, creio que em campo isso está claro. Fora de de campo, desde que cheguei ele me trata muito bem. Sempre foi uma pessoa que conversou comigo, me incluiu no grupo. Sempre está junto com o pessoal. Fora de campo, para mim, Gabigol é uma excelente pessoa.

ASSISTA AO VÍDEO:

Diferente de Marí, que tem contrato com o Flamengo até o fim de 2022, Gabriel está vinculado ao club até dezembro deste ano, por empréstimo junto à Inter de Milão. O Fla já trabalha de forma incessante para contratar o atleta de forma definitiva e, inclusive, já tem acerto com o time italiano. Agora, falta apenas o ‘sim’ do próprio Gabigol para que o novo vínculo seja selado.

Por: Coluna do Fla

Marí garante foco até o fim do Brasileirão: “Queremos o máximo de vitórias”

Quatro rodadas antes do encerramento oficial do Campeonato Brasileiro, o torcedor do Flamengo já pode soltar o grito de campeão. Isso porque, com 81 pontos, o Rubro-Negro já não pode ser alcançado pelo Santos, atual vice-líder, que tem 68 pontos. Apesar disso, o zagueiro Pablo Marí garante que a equipe manterá o foco até o fim.

Nesta terça-feira (26), o elenco do Flamengo se reapresentou para retomar os treinos após a dupla conquista no fim de semana – Brasileirão e Libertadores – que contou com festa dobrada do elenco. Em coletiva antes das atividades, o espanhol garantiu que a equipe rubro-negra tem a meta de conquistar o máximo de vitórias que for possível. Sendo assim, não haverá ‘corpo mole’ até que a 38ª rodada se encerre.

FOTO: JOÃO PEDRO GRANETTE/COLUNA DO FLA

– Nós temos que encerrar a liga (Brasileirão). Temos muita gana de seguir entregando vitórias aos nossos torcedores. Temos um grupo muito profissional, que estará trabalhando até o último dia para conseguir o maior número de vitórias na liga. Em seguida, pensaremos no Mundial, há tempo para isso. Agora vamos tentar acabar o campeonato da melhor forma possível -, declarou o camisa 4.

Com o título já garantido, o Flamengo já é também recordista de pontos em uma edição do campeonato, empatado com o Corinthians, que fez os mesmos 81 em 2015. Sendo assim, caso queira se isolar como maior pontuador do Brasileirão em uma temporada, o Mais Querido precisa de ao menos um ponto. Em meio a isso, o próximo adversário do Fla será o Ceará, às 21h30 desta quarta-feira (27), no Maracanã.

Por: Coluna do Fla

Marí ganha destaque em TV espanhola com títulos pelo Flamengo

O Flamengo realizou nove contratações para a temporada de 2019, sendo a maior parte delas jogadores já conhecidos, como Gabigol, Arrascaeta e Filipe Luís. Entretanto, um que teve menos holofotes, mas que se tornou fundamental, foi o zagueiro Pablo Marí. Até então, o atleta só havia atuado em equipes de menor expressão. Porém, no Mais Querido, ele se tornou peça-chave para os títulos da Libertadores e do Brasileirão. Com isso, o destaque veio também em seu país natal, a Espanha.

Em reportagem exibida nesta segunda-feira (25), a TVE detalhou o passo a passo de Pablo Marí, até chegar ao Flamengo. A emissora relembrou as passagens do defensor por clubes como Valência e Mallorca, ainda na Espanha.

FOTO: REPRODUÇÃO

Vale destacar que a chegada ao Flamengo foi surpreendente até para o próprio jogador. Em entrevista coletiva concedida ao Globo Esporte, ele revelou: “Eu conhecia o clube, então pensava que era mentira, uma brincadeira. ‘Como o Flamengo vem me buscar?’ Tem que ser realista, eu estava jogando a 2ª divisão (da Espanha) e não me envergonho de dizer isso”.

Aos 26 anos, Marí jamais havia atuado fora do continente europeu. Antes de chegar ao Flamengo, ele defendeu Mallorca, Nàstic, Girona e Deportivo La Coruña na Espanha, além do NAC Breda, da Holanda. Apesar disso, ele pertencia ao Manchester City, da Inglaterra, mas nunca chegou a entrar em campo no time comandado por Pep Guardiola.

Por: Coluna do Fla

Juan elogia entrosamento de Rodrigo Caio e Marí: “Eles se completam”

Flamengo possui uma dupla de zaga que pode ser considerada uma das mais sólidas da América do Sul. Pablo Marí e Rodrigo Caio se completam. Além de uma consciência tática impressionante, os defensores do Mais Querido possuem uma técnica inigualável. No jogo das estrelas, em Lima, Juan, ídolo do Rubro-Negro exaltou os zagueiros do time carioca.

— Como toda grande dupla, eles têm que se completar, e eles se completam e se entendem muito bem. O sistema defensivo funciona muito, os jogadores da frente também ajudam e estão numa forma excepcional.

FOTO: PILAR OLIVARES/ REUTERS

Em pouco tempo de parceria, a dupla do Flamengo tornou-se irretocável. Juntos, Rodrigo Caio e Pablo Marí estão invictos. As boas atuações refletem no sucesso do time carioca na temporada. Contra o Grêmio, o confronto que ‘espantou’ o River Plate, os defensores marcaram dois gols dos 5×0 aplicado no time gaúcho.

Neste sábado (23), às 17 horas (horário de Brasília), Flamengo e River Plate terão a missão de apresentar um espetaculo à altura da importância do jogo. O Mais Querido pretende levar o troféu da maior competição do continente sul-americano para casa.

Por: Coluna do Fla

Marí revela motivo de vir para o Flamengo: “Me trouxe muita esperança de crescer, fazer história”

Desde que chegou ao Flamengo em julho desta temporada, Pablo Marí vem apresentando ótimos desempenhos pelo time Rubro-Negro, fortalecendo a área defensiva do plantel carioca ao lado de Rodrigo Caio. A contratação do zagueiro espanhol foi indicada pelo Centro de Inteligência do clube, e aprovada pelo técnico Jorge Jesus. Antes de assinar com o Mais Querido, Marí analisou outras propostas de equipes da Espanha e Inglaterra. No entanto, o jogador escolheu vir ao Flamengo para fazer história pelo clube, como comentou em entrevista ao Globo Esporte.

— Antes de tudo, o projeto que o Flamengo apresentou era muito bom dentro do que eu tinha de opção na Espanha e na Inglaterra. Era importante também definir logo. A notícia chegou no sábado de noite e na terça tudo já estava certo. Foi um projeto que me trouxe muita esperança de crescer, de fazer história. E isso é importante.

O próximo desafio de Pablo Marí pelo Flamengo será contra o River Plate, neste sábado (23), às 17h, horário de Brasília, no Estádio Monumental de Lima, para a partida mais importante do ano. O time Rubro-Negro entra em campo para disputar a final da Copa Libertadores 2019 contra a equipe argentina. O Mais Querido não conquista o título internacional desde 1981, há 38 anos atrás.
Por: Coluna do Fla

Jogador do Vasco explica desentendimento com Marí: “Fui só cumprimentar ele e acho que não gostou”

O Flamengo já se voltou completamente para o jogo contra o Grêmio, que acontece neste domingo (17), mas os holofotes ainda permanecem ligados no empate em 4 a 4 com o Vasco, em clássico disputado na última quarta (13). Questionado sobre o desentendimento com Pablo Marí, o atacante do Cruzmaltino, Ribamar, disse se tratar de uma situação de jogo, mas também deu uma versão curiosa.

– É uma situação de clássico… O clima esquenta ali. No lance que eu fui falar com o Pablo Marí, fui só cumprimentar ele e acho que não gostou, aí deu a confusão. Mas isso já passou. A confusão com o gerente de futebol (sobre agressão em Gabigol) eu não cheguei a ver ainda -, disse o centroavante vascaíno em entrevista à FOX Sports.

FOTO: REPRODUÇÃO

O jornalista da emissora ainda completou em seguida: “Agora fala para mim o que você disse ali atrás sobre o motivo da confusão com o Marí“, e o atacante deu nova versão: “Ele falou comigo em espanhol, aí eu não entendi e… ahhh!! (risos)“, declarou.

Líder isolado do Campeonato Brasileiro, com 11 pontos de vantagem sobre o Palmeiras, vice-colocado, o Flamengo volta a campo para enfrentar o Grêmio e tenta aumentar ainda mais a vantagem. A equipe comandada por Jorge Jesus encara o Tricolor gaúcho a partir das 16h (horário de Brasília), em Porto Alegre.

Por: Coluna do Fla

Marí elogia torcida do Flamengo no Maracanã: “Algo indescritível”

Pablo Marí chegou ao Flamengo e caiu como uma luva na zaga do Mais Querido. Forte no jogo aéreo, Marí joga de terno e, ao lado de Rodrigo Caio, transmite segurança, sendo fundamental para o sistema defensivo. Em entrevista, o camisa 4 falou sobre a emoção de jogar no Maracanã e exaltou a torcida do Rubro-Negro:

– É algo indescritível, não tenho palavras para descrever o que sinto cada vez que jogo no Maracanã. É uma maravilha, são mais de 60 mil pessoas empurrando e cantando todos os minutos -, afirmou, em entrevista ao Tablero Desportivo.

O espanhol foi observado pelo Centro de Inteligência do Mais Querido e surpreendeu pelas atuações. ‘Gigante’, em campo e tamanho, o zagueiro também colabora no ataque: já balançou as redes dos adversários 3 vezes.

O ‘Xerife’ deve entrar em campo novamente neste domingo, contra o Bahia, em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo será no Maracanã, às 18h (de Brasília), e o camisa 4 vai poder sentir, mais uma vez, a emoção de ver a Maior Torcida do Mundo.

O Flamengo é líder da competição com 74 pontos e, em caso de vitória, vai aumentar para 10 a vantagem para o vice-líder, Palmeiras, se isolando ainda mais no topo da tabela.

Por: Coluna do Fla

Sevilla demonstra interesse na contratação de Pablo Marí

Desconhecido pela grande maioria, Pablo Marí não reuniu tantos holofotes como seus companheiros que chegaram à Gávea em 2019. Após uma série de empréstimos, o zagueiro saiu da segunda divisão espanhola para fazer história no Rio de Janeiro. Forte no jogo aéreo, marcado pela antecipação e com um bom passe, o defensor ultrapassou fronteiras e chamou a atenção de Monchi, diretor do Sevilla – clube da Espanha.

Segundo informações do portal ‘Todo Fichajes’, as boas atuações do zagueiro, em meio a uma temporada impecável do Flamengo, demonstram que Pablo Marí está preparado para retornar à Europa. Monchi retornou ao Sevilla depois de deixar a Roma – em uma passagem considerada controversa. Em sua volta, o ”mago do mercado”, como ficou conhecido, busca por opções menos cobiçadas para seu elenco.

Pablo Marí foi monitorado pelo Centro de Inteligência de Mercado e chegou à Gávea após a aprovação de Jorge Jesus. Canhoto, o defensor utiliza seus 1,93m de altura para ser fundamental na defesa e no ataque – é o jogador de linha mais alto do elenco ao lado de Rhodolfo. Em apenas 24 jogos pelo Mais Querido, já balançou às redes em três oportunidades e participou de 19 vitórias.

Pelo Campeonato Brasileiro, o zagueiro soma 19 jogos, dois gols, uma assistência e 25 desarmes. Além do nacional, Pablo Marí participou, também, da extraordinária campanha na Libertadores da América – com cinco partidas, um tento e sete roubadas de bola.

Por: Coluna do Fla

Marí minimiza desentendimento com Valentim: ” Para mim, está esquecido”

O Flamengo precisou ir além de suas condições normais para bater o Botafogo na noite desta quinta-feira (07), no Engenhão. Com o rival tendo uma marcação desleal e praticando claramente o antijogo, os comandados de Jorge Jesus não tiveram vida fácil, mas venceram por 1 a 0. Na zona mista, Pablo Marí ainda explicou o desentendimento com o técnico alvinegro, Alberto Valentim, minutos antes do gol da vitória do Rubro-Negro.

Claramente satisfeito com um empate, Valentim tentou usar a “malandragem” para esfriar a partida. O treinador se colocou à frente de Marí durante a cobrança de lateral, irritando o zagueiro do Fla, que o empurrou para o lado. O espanhol minimizou a situação ao ser questionado.

FOTO: ANDRÉ DURÃO

– Não aconteceu nada. Eu queria a bola para arremessar rápido, ele se colocou na frente e não deixou. Mas não foi nada, isso é futebol, pode acontecer. Para mim, está esquecido -, disse o defensor.

Com a vitória fora de casa, o Flamengo voltou a ficar com oito pontos de vantagem na liderança em relação ao Palmeiras, segundo colocado. O próximo compromisso dos comandados de Jorge Jesus pelo Brasileirão acontece diante do Bahia, neste domingo (10), no Maracanã.

Por: Coluna do Fla

Rodrigo Caio e Marí alcançam marca incrível pelo Flamengo

De poucos utilizados ou desconhecidos, a zaga do Flamengo transformou-se em uma das melhores do país. Rodrigo Caio e Pablo Marí possuem uma vitalidade incrível, as características dos defensores se assimilaram de uma forma inimaginável. Desde que começaram a atuar juntos, a dupla não perdeu.

Foram 16 jogos ao total, 12 no Campeonato Brasileiro e quatro na Libertadores; 11 vitórias e cinco empates. Além de adotar uma fórmula perfeita para o ‘choque’ nos adversários, Rodrigo e Marí também marcam gols importantes, por exemplo: contra o Grêmio, na vitória de 5×0, ambos tiveram êxito.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

Pouco conhecido, Pablo Marí assinou com o Flamengo por R$ 5,5 milhões de euros – o zagueiro foi o primeiro espanhol a marcar na Libertadores. Conhecido pela passagem no São Paulo, Rodrigo Caio chegou com poucas pretensões, mas tornou-se em uma das peças principais no time comando pelo Mister.

Por: Coluna do Flamengo

Flamengo investiu R$ 20,6 milhões em Rafinha, Marí e Filipe Luís

Ao decidir por reforços no meio do ano, o Flamengo conseguiu remontar a sua defesa com apenas R$ 20,6 milhões. Esse foi o valor dos direitos econômicos, luvas e comissões das transferências de Rafinha, Filipe Luís e Pablo Marí que constam no balancete do clube. Os dois primeiros estavam livres por contrato, e o espanhol estava preso ao Manchester City.

No caso de Rafinha e Filipe Luís, houve gastos com luvas que serão diluídos durante o contrato de ambos, aliados a seus salários. Foram destinados R$ 6,4 milhões para o lateral-esquerdo que veio do Atlético de Madrid, e outros R$ 2,4 milhões para Rafinha. Já pelos direitos de Pablo Marí foram pagos R$ 5,3 milhões, mais R$ 576 mil de luvas.

Pela apuração do blog, Filipe topou recebeu valores menores em 2019 para se enquadrar no orçamento do clube, e seus ganhos estão mais concentrados em 2020. Sem essa concessão feita pelo jogador, não teria sido possível sua contratação, pois o Flamengo estava no limite de gastos.

Foto: Alexandre Vidal

Além disso, houve comissões pelas negociações que somaram R$ 6 milhões incluídas aí as três operações. Assim, o total gasto com os três jogadores foi de R$ 20,6 milhões.

Para efeito de comparação, esses valores representam menos da metade do investimento feito em Gerson que também chegou no meio do ano por R$ 51 milhões. A idade dos jogadores, obviamente, conta para essa diferença. No total do ano, o clube teve gastos bem mais significativos: um total de R$ 234,6 milhões com contratações incluindo as transações feitas no início da temporada.

Errata: Inicialmente, o blog apontou o gasto total de R$ 15,3 milhões com as três contratações por não ter contabilizado um dos números do balancete.

Por: RODRIGO MATTOS

Marí lamenta empate e tira ‘lição’ para o duelo diante do Corinthians

O Flamengo abriu 2 a 0 sobre o Goiás na noite desta quinta-feira (03), mas viu o rival empatar nos últimos minutos de partida. Mesmo sendo um ponto conquistado fora de casa, os jogadores do Rubro-Negro deixaram o gramado sabendo que o resultado podia ter sido bem melhor.

Em entrevista ao canal Premiere FC, o zagueiro Pablo Marí lamentou os detalhes que fizeram com que o Goiás conseguisse o empate, e aproveitou a partida para tirar lições antes de encarar o Corinthians.

– Tínhamos controlado, mas creio que em dois detalhes deixamos empatar a partida. A esta altura que estamos no campeonato, não podemos permitir eles empatarem hoje. Mas isto segue. Domingo temos mais. Não podemos deixar pontos por esses detalhes. No resto da partida tínhamos tudo controlado.

FOTO: ISABELLE COSTA/COLUNA DO FLA

O zagueiro concordou com a declaração do técnico Jorge Jesus de que o time perdeu muito o poder de concentração nos últimos minutos de partida em Goiânia.

– Concordo com o Mister. Nos últimos 15 minutos perdemos muito a concentração. Não podemos nos permitir, vamos aprender com os erros e domingo tem mais.

Por fim, o camisa 4 fez questão de lembrar que a equipe conquistou um ponto fora de casa, reforçou a importância do jogo contra o Corinthians e exaltou a união do grupo que está liderando o Campeonato Brasileiro.

– O importante é que não perdemos. É importante seguir somando pontos. Domingo temos uma partida muito importante para seguir bem. Seguimos líderes, a equipe está unida e o mais importante é que o que se passa em campo, fica no campo.

Por: Coluna do Fla

Spindel revela detalhes da contratação de Pablo Marí e lembra empolgação de zagueiro

O Flamengo viveu, há uma semana, o momento mais importante dos últimos 35 anos. A goleada sobre o Grêmio, em pleno Maracanã, foi contada por quatro nomes que chegaram à Gávea nesta temporada – Gabriel Barbosa, Bruno Henrique, Rodrigo Caio e Pablo Marí. Entre esses, apenas o espanhol não era conhecido pela maioria dos torcedores rubro-negros. Em entrevista ao blog do jornalista Rodrigo Mattos, Bruno Spindel, CEO do clube carioca, contou que Jorge Jesus já conhecia o atleta e, paralelamente, o departamento de scout aprovou suas características.

– Jorge Jesus já conhecia o atleta (Pablo Marí) da Espanha e do La Coruna. Aconteceu de forma paralela, Jorge viu, o departamento de scout analisou e viu que o Pablo tinha todas as características necessárias para jogar aqui. Faltava questão de negócios, entender o que ele aspirava e se estava disposto a vir pro Brasil -, contou.

Questionado sobre a conversa com os atletas durante esse processo, Spindel explicou que o papo entre atleta e dirigentes gera uma série de compromissos. Seguindo o tom do papo sobre Pablo Marí, o CEO revelou a reação do espanhol ao ser comunicado sobre o interesse da equipe carioca.

FOTO: RAFAEL FELICCIANO

– Com o Pablo foi assim, foi tranquilo. Ele me disse: “Estou disposto a ir para o Flamengo. Entendi o que é o Flamengo. Quero fazer história e desempenhar esportivamente no Flamengo. Não estou preocupado com o que vem depois. Estou preocupado em performar minha carreira no Flamengo e não penso mais em nada. Quero chegar lá e arrebentar”. Ele serve como um exemplo de uma resposta que você sente que o cara realmente está querendo -, revelou.

Pablo Marí chegou ao Flamengo em julho de 2019 e logo estreou na vitória contra o Botafogo, por 3 a 2, pelo Brasileirão. De lá para cá, foram 21 jogos (17v/3e/1d) e três gols – entre eles, o quarto contra o Grêmio pela semifinal da Libertadores. Pouco mais de três meses depois, o xerife se tornou o zagueiro com melhor aproveitamento de passes nesta competição continental.

Por: Coluna do Fla

Marí é o zagueiro com melhor aproveitamento de passes na Libertadores 2019

No futebol da atualidade, para um zagueiro se destacar, é preciso que o defensor traga segurança para todo o esquema de jogo. Pablo Marí, zagueiro do Flamengo, é a prova disso. Sólido e técnico, o atleta vive, sem dúvidas, o melhor momento de sua carreira. Segundo os dados do Footstats, o espanhol é o zagueiro que possui o melhor aproveitamento de passes na Libertadores, com 98,2%.

Os números são impressionantes, o espanhol acertou 223 passes e errou apenas quatro. Em inúmeros jogos, Marí teve destaque por fazer lançamentos de aproximadamente 100 metros, virando todo o campo e quebrando o esquema tático do adversário.

FOTO: ALEXANDRE VIDAL / FLAMENGO

O próximo compromisso do Flamengo será contra o CSA, neste domingo (27), às 19 horas (horário de Brasília), no Maracanã, confronto válido pela 28º rodada do Campeonato Brasileiro. Suspenso, Pablo Marí não estará à disposição do Mister. Jorge Jesus provavelmente escalará Rhodolfo para a posição.

Por: Coluna do Fla


© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod