Tag: Paulo Nunes

“Ele é a cara do Flamengo”, diz ex-jogador rubro-negro sobre Balotelli

O Flamengo tem visado grandes reforços na atual temporada. Gabigol, Arrascaeta e Filipe Luís foram alguns exemplos disso. Agora, o foco do Rubro-Negro é em trazer o atacante Mario Balotelli, que está sem clube desde o dia 31 de junho, quando seu contrato com o Olympique de Marselha (FRA) se encerrou. Em meio a isso, o ex-jogador Paulo Nunes, que foi campeão brasileiro pelo Flamengo em 1992, mostrou que não tem dúvidas sobre a qualidade de Balotelli.

Atuando como comentarista no SporTV, o “Diabo Loiro”, como foi apelidado na época de jogador, Paulo Nunes participou do programa Seleção desta terça-feira (13). Ao analisar a possibilidade de chegada de Balotelli ao Fla, ele descreveu como uma ‘loucura ótima’, destacando a qualidade e a visibilidade que o atacante traz consigo.

– Acho uma loucura ótima que o Flamengo está fazendo. Se tem esse dinheiro e não vai atrapalhar, eu acho uma ótima. Coloca o Flamengo em evidência de novo, traz o centroavante que o treinador quer. Ele é cara do Flamengo-, declarou Paulo Nunes.

Por: Coluna do Fla

Paulo Nunes reprova volta de Pelaipe ao Flamengo

A escolha de Paulo Pelaipe como gerente de futebol do Flamengo, anunciada nesta quarta-feira (26), mexeu com o noticiário rubro-negro. Durante debate no programa Seleção SporTV, dos canais SporTV, o ex-jogador Paulo Nunes foi perguntado sobre o que achava da definição. Por conhecer o dirigente dos tempos de Grêmio, o agora comentarista considerou uma decisão ruim da diretoria carioca.

— É um cara que eu peguei muito tempo no Grêmio. Veio do futebol amador, entrou em um momento difícil, na Série B, voltando para a Série A. Naquele momento, ajudou o Grêmio. Era um provável diretor para o futuro. Para se trabalhar dentro do campo, como gerente de futebol, tem que ter necessariamente a entrada para presidência, direção e jogadores. E com jogadores, pelo que eu sei ele não tem -, disse Paulo Nunes, que justificou sua opinião.

— Porque é difícil lidar com jogadores se você não tem o respeito, que tem que ser um respeito natural, normal de atitude, dia a dia, não um respeito obrigatório. Mão grande, dar multa para segurar jogador, e jogador não respeita assim. O que eu vejo no Flamengo, e já vi vários jogadores reclamando disso, é que não tem abertura. Mas o Flamengo tem vários ex-jogadores capacitados, vários ídolos que dariam abertura, dariam nome, respeito, respaldo aos jogadores junto à torcida, seria muito mais importante. Com todo respeito ao Pelaipe, mas acho que é inadequado, um retrocesso -, concluiu.

Paulo Pelaipe será um dos nomes fortes do futebol do Flamengo em 2019, ao lado do vice-presidente Marcos Braz, do técnico Abel Braga, do comitê gestor definido pelo presidente Rodolfo Landim, além de um diretor executivo. Até então, esse cargo está sendo ocupado por Carlos Noval, mas há possibilidade de mudança.

Fonte: Coluna do Flamengo


© Copyright 20 Fla Hoje. Todos os direitos reservados
Website desenvolvido por Azarod